Diário de obras: como escolher o software correto para a elaboração

Gustavo Prata

Gustavo Prata

Engenheiro Civil com mais de 12 anos de experiência em gerenciamento de obras, planejamentos, controle de cronograma físico-financeiro, orçamentos e organização de obras. Atualmente, é Product Manager no Sienge.

14 de setembro 2021

Compartilhe

Nós já defendemos aqui mesmo no blog que o diário de obras é a melhor forma de controlar suas obras. E não foi à toa, já que essa ferramenta é de grande importância para manter o registro exato de tudo o que acontece na construção e traz inteligência para a tomada de decisões.

Mas tem algo que pode impedir a sua construtora ou incorporadora de extrair todos os benefícios do diário de obras e executá-lo do jeito certo: a escolha da ferramenta errada.

Já é certo que uma atividade dessas exige uma ferramenta digital, e existem muitas disponíveis por aí. Mas isso não quer dizer que todo software seja confiável, seguro ou fácil de usar.

Por isso, neste artigo eu vou te mostrar como escolher o software certo para fazer seu diário de obras de forma impecável e manter suas obras sempre sob controle.

Como um software de diário de obras pode impactar sua operação

É muito importante ter bem claro o quanto um software pode fazer diferença para a sua produção do diário de obras. E o impacto não é pequeno.

Primeiro, o impacto positivo do diário de obras é jurídico. Afinal, de acordo com a Resolução nº 1024 de 21/08/2009 / CONFEA – Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia, o diário de obras é obrigatório.

É preciso registrar todos os dias no diário fatos como os motivos para acidentes de trabalho, falhas técnicas, tarefas realizadas e equipamentos usados. Quem faz isso dá um respaldo jurídico importante para a obra e para a empresa, de modo geral.

O segundo impacto é técnico, uma vez que o diário de obra ajuda a achar padrões de defeitos e achar a causa raiz de tais problemas, a fim de acabar com eles de uma vez. Ou seja, manter um diário de obras atualizado torna possível achar e corrigir problemas ocultos que, de outra forma, não seriam encontrados.

4 benefícios de contar com um diário de obras digital

Agora vamos partir para os benefícios que você terá por usar uma ferramenta digital para realizar seus diários de obra. Com a transformação digital na construção civil, fica cada vez mais claro o quanto a tecnologia torna os processos mais confiáveis e eficientes.

E o padrão se mantém quando se trata do diário de obras, já que uma versão digital da ferramenta traz vantagens como:

1. Acesso amplo às informações

As ferramentas de gestão digitais de maior qualidade guardam as informações na nuvem, ou seja, em um espaço online totalmente privado e seguro. Isso quer dizer que as informações do diário ficam sempre disponíveis, a qualquer hora, em qualquer lugar, com segurança.

Ou seja:

Você pode consultar informações relevantes do diário direto do canteiro, com um celular, ou de qualquer outro local remoto longe do escritório. Esse acesso amplo é muito conveniente e dá praticidade ao uso do diário de obras.

2. Agilidade nos registros

Da mesma forma que é muito mais fácil e rápido acessar o diário de obras digital, também é mais fácil e rápido registrar novos eventos todos os dias.

Isso pode parecer um benefício pequeno, mas tarefas repetitivas e diárias como essas precisam ser fáceis e rápidas de fazer. Caso contrário, a chance de deixá-la de lado cresce a cada dia.

3. Aumento da transparência

Outro grande benefício de ter os registros digitais é que isso aumenta a transparência entre a empresa contratada para realizar a obra e sua contratante.

Assim, todos os envolvidos podem acessar, a qualquer momento, como está o dia a dia do canteiro e saber do que acontece, em detalhes. Esse tipo de relação transparente beneficia a todos e evita problemas maiores que poderiam afetar o andamento da obra e o sucesso do empreendimento.

4. Gestão mais eficiente no canteiro

Por fim, o grande benefício de contar com um diário de obras digital é o ganho de eficiência na gestão do canteiro que isso traz para a obra.

Pense comigo:

Conseguir ver os problemas em tempo real e corrigi-los sem demora impede que algo pequeno se espalhe e se torne um grande problema. Com isso, a obra fica sempre sob controle e, mais do que isso, a equipe extrai inteligência para evitar os mesmos erros no futuro.

3 elementos essenciais para ficar de olho ao escolher a sua ferramenta de diário de obras

Mas uma coisa é saber o valor de contar com um diário de obras digital, e outra bem grande é saber como escolher a ferramenta certa entre tantas opções que existem no mercado. Por isso, eu fiz uma lista abaixo com algumas dicas práticas que você deve seguir antes de bater o martelo nesta decisão importante.

Assim, para escolher o software certo para fazer seu diário de obras, priorize o seguinte:

1. Estrutura 100% online

Como eu disse algumas vezes, grande parte dos benefícios de uma ferramenta de diário de obras está ligada ao fato de ele ter uma estrutura 100% online. Ou seja, é importante que você possa acessar e atualizar as informações de qualquer lugar, a qualquer hora, pela internet.

Ferramenta de diário de obras deve ser 100% online

Por isso, fuja de ferramentas que só funcionam offline, ou que só podem ser acessadas em um tipo de dispositivo, como desktops e notebooks. Além disso, ferramentas que exigem aplicações e programas pesados para rodar a ferramenta também podem trazer problemas.

2. Facilidade de uso

O segundo ponto que você deve observar com cuidado é a facilidade de uso da ferramenta em questão. Uma tarefa diária como o diário de obra não pode ser algo difícil e doloroso de realizar.

Por isso, procure uma ferramenta que seja intuitiva e fácil de usar, de modo que qualquer pessoa possa fazer as atualizações sem demora e sem precisar de muita ajuda.

Por fim, a questão do peso da aplicação também se aplica aqui, pois softwares muito pesados geralmente são mais trabalhosos de usar e apresentam mais problemas.

3. Inteligência estratégica

Por último, é essencial que você escolha uma ferramenta que vá além da parte operacional, mas que tenha também um grande valor estratégico para sua obra. Em outras palavras, a ferramenta não pode ser uma planilha “embelezada”.

É importante que ela ofereça uma análise de dados, que permita extrair informações e insights valiosos que você possa usar no dia a dia da gestão da obra. Isso só é possível quando a ferramenta é integrada a uma plataforma de gestão completa.

Diário de obras deve trazer inteligência estratégica

Esse é o caso do Sienge Plataforma, que conta com uma ferramenta de diário de obras no módulo de engenharia. Ali você encontra uma plataforma 100% online, fácil de usar e que traz uma inteligência estratégica embutida no registro das atividades diárias.

Dessa forma, tudo o que você precisa em uma ferramenta se encontra em um único lugar. Além disso, ainda é possível juntar as informações do diário de obras com outros dados de outras ferramentas.

Assim, fica claro que a escolha da ferramenta certa para o seu diário de obras não é uma decisão sem importância, mas uma que afeta a qualidade da gestão e controle das obras. Então, siga à risca as dicas que você acabou de ver para escolher a melhor solução possível.

Quer ver como a ferramenta de diário de obras do Sienge funciona na prática e pode ajudar a sua empresa? Assista a palestra para entender como você pode ter mais agilidade e praticidade nos registros do dia a dia!

Compartilhe