Concreto usinado: entenda as vantagens e os cuidados necessários com a mistura

Giseli Barbosa Anversa

Giseli Barbosa Anversa

Engenheira Civil, é Lead Product Manager do Sienge, atuando no desenvolvimento de ações para impulsionar o desempenho de empresas da Indústria da Construção.

24 de novembro 2020

Compartilhe

Você já deve ter ouvido falar muitas vezes em concreto usinado, mas já usou essa mistura em alguma obra? Esse é um daqueles casos de inovação que passa a fazer parte do dia a dia do mercado e, ainda assim, muita gente só ouviu falar.

Se você está nessa situação quando o assunto é concreto usinado, vamos mudar isso agora mesmo. Mas, para isso, você precisa entender primeiro o que faz dessa mistura uma opção viável e desejável para sua próxima obra.

Por isso, neste artigo eu vou mostrar para você o que é o concreto usinado, quais são suas vantagens e diferenças para o concreto virado na obra.

O que é concreto usinado?

Em primeiro lugar, vale a pena entender que a grande diferença do concreto usinado para os demais é o que se chama de dosagem em central. Ou seja, ele é todo preparado e misturado em uma usina de concreto e levado até o canteiro de obras já pronto para aplicação.

É comum que o concreto usinado seja bombeado com mangueiras direto no local da aplicação, uma vez que sua mistura é mais fluida do que o concreto convencional.

Concreto usinado tem aplicação mais simples

E caso você esteja se perguntando:

Sim, existem vantagens claras do concreto usinado sobre o virado em obra. Aliás, vamos abordar algumas dessas vantagens a partir de agora, bem como os principais cuidados que você precisa ter ao usar a mistura dosada em central.

3 vantagens do concreto usinado para suas obras

No fim das contas, os materiais, equipamentos e técnicas de trabalho usados no canteiro podem ser os mais inovadores, mas só o que importa para decidir entre usá-los ou não é: vale a pena financeiramente?

Mesmo quando o objetivo é ganhar tempo, agilidade ou organização, esses benefícios ainda se traduzem em economia ou ganho de dinheiro. Então, para adiantar, podemos dizer que o concreto usinado ajuda a tornar sua obra mais lucrativa.

E podemos dizer isso por, pelo menos, 3 motivos. Veja agora quais são eles e como o concreto usinado traz esses ganhos para uma obra:

1. Redução do número de trabalhadores na obra

A primeira vantagem clara do concreto usinado é que ele requer menos pessoas no canteiro de obras para trabalhar durante a aplicação. Isso representa um ganho em qualquer cenário.

Afinal, se você trabalha com empreiteiros terceirizados, pode reduzir a contratação. Se tem equipe própria, pode alocar os trabalhadores para outras obras ou outras funções da mesma obra, a fim de ganhar tempo.

De qualquer modo, você garante um aproveitamento melhor do tempo e energia dos profissionais que trabalham no canteiro.

2. Maior agilidade e produtividade no canteiro de obras

Outra vantagem de ter menos pessoas no canteiro é a organização. Quanto menos gente, menos bagunça e maior agilidade a obra ganha.

Em outras palavras:

Com os trabalhadores sem distrações e uma aplicação fluida do concreto usinado você ganha o benefício com o qual todo gestor sonha: produtividade.

3. Maior custo-benefício

Por fim, o custo-benefício do concreto usinado se prova melhor, pois além de garantir maior produtividade e melhor uso dos recursos, ele tem uma função estrutural mais garantida.

Concreto usinado torna o canteiro mais organizado

Afinal, o fato de que a mistura é feita em ambiente industrial, com processos calculados e testados, faz muita diferença no nível de garantia sobre a capacidade estrutural adequada.

E significa muito, em especial à medida que o tempo passa, garantir que as estruturas permaneçam sólidas e se mantenham apenas com uma boa manutenção preventiva.

2 cuidados que você precisa tomar ao usar concreto usinado nas suas obras

Apesar de contar com muitas e grandes vantagens, ainda não podemos nos esquecer de que o concreto usinado não foge tanto assim das características que já conhecemos. Isso quer dizer que, assim como em qualquer tipo de elemento numa obra, é necessário ter atenção aos detalhes.

Mesmo um material seguro pode ser desperdiçado e colocar todos em risco caso não seja manuseado e aplicado da forma correta. Pensando nisso, veja 2 cuidados básicos, mas muito importantes, que você precisa tomar ao usar o concreto usinado:

1. Confira as especificações antes de fazer a aplicação

Não é porque o concreto usinado é prático e industrial que você pode aplicá-lo de “olhos fechados”. É sempre vital que o responsável pela obra confira se as especificações da mistura estão de acordo com o que foi definido em projeto e contratado.

Ainda que o processo seja cuidadoso, sempre vale ter em mente que erros acontecem. Por isso, sempre confira se o concreto que chegou ao canteiro é o mesmo concreto que deve ser aplicado naquela estrutura.

2. Compre apenas de fornecedores certificados

Outro ponto fundamental ao falarmos sobre uma mistura industrial, que já conta com processos químicos testados e aprovados, é garantir que ela seja confiável. Apenas empresas com a autorização da norma ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).

E, para isso, existem normas específicas, como:

Essas normas contêm todas as especificações necessárias para a mistura. Se quiser evitar problemas, compre apenas fornecedores que as seguem.

3 diferenças do concreto usinado para o concreto virado em obra

Talvez você ainda se pergunte qual é a diferença prática do concreto usinado para aquele virado em obra, com o qual você já está acostumado. Em termos gerais, não há tanta diferença assim, o que é suficiente para você não precisar se preocupar com a adaptação dos profissionais ao novo material.

Apesar disso, as diferenças são grandes o suficiente para justificar a mudança e deixar você tranquilo de que o concreto usinado é a melhor escolha. Veja agora 3 diferenças básicas:

1. Custo da aplicação

Em resumo bem simples e direto, o concreto usinado oferece mais resistência por um custo menor. Além de se considerar a mistura em si, também é bom lembrar que o processo de aplicação é mais rápido e organizado, como já citei acima.

Isso tudo torna o custo da aplicação comparativamente menor com o concreto usinado. Afinal, temos menos tempo de aplicação, menos pessoas no canteiro e uma mistura melhor.

2. Homogeneidade da mistura

Por se tratar de uma solução industrial, a homogeneidade é bem maior do que do concreto virado em obra, que se trata de uma composição muito mais artesanal.

Na dosagem feita em central não há diferença entre um caminhão de concreto e outro, é sempre a mesma composição, na mesma quantidade.

3. Precisão da capacidade estrutural

Mais uma vez a composição industrial pesa na balança a favor do concreto usinado. Quando a dosagem é virada em obra, o controle de água não é tão preciso quanto na usina, e isso pode fazer com que a mistura enfraqueça.

Por outro lado, o concreto usinado é feito para garantir que a capacidade estrutural que promete seja mantida sempre. Isso o torna uma escolha mais precisa e segura.

Processo industrial faz do concreto usinado opção mais segura

Por fim, o concreto usinado é uma ótima opção para suas próximas obras. Seu custo-benefício é maior, suas propriedades são mais seguras e suas características gerais não fogem do que os trabalhadores já conhecem e estão acostumados. Assim, é uma mudança fácil de fazer e que trará resultados rápidos para seu próximo empreendimento.

Mas como contratar bons fornecedores de concreto usinado e de outros materiais? Conheça agora 8 regras de ouro para não errar na escolha e garantir uma obra segura e de qualidade!

Compartilhe