O que é NBR 6118 – Projeto de estruturas de concreto

Giseli Barbosa Anversa

Giseli Barbosa Anversa

Engenheira Civil, é Product Manager do Sienge, atuando no desenvolvimento de ações para impulsionar o desempenho de empresas da Indústria da Construção.

14 de fevereiro 2020

Concreto é praticamente sinônimo de construção civil. Ao pensar em uma obra a primeira imagem que vem a mente costuma ser relacionada a concreto, e com boas razões. Na alvenaria esse componente tem um papel importante.

Aliás, hoje em dia o concreto é usado tanto na formação de estruturas quanto no acabamento, de tão popular que ficou. E como não poderia deixar de ser, existe uma norma para regular as atividades relacionadas com o concreto.

Neste artigo eu vou te mostrar tudo que você precisa saber sobre essa norma, a NBR 6118, e como aplicá-la do jeito certo.

O que é a NBR 6118?

A NBR (Norma Brasileira) 6118 é mais uma das diretrizes criadas pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) e trata de projeto de estruturas de concreto. Essa associação atua como fórum de normalização nacional. 

Então o objetivo da NBR é bem simples:

Oferecer diretrizes do que deve ser feito ao trabalhar estruturas de concreto para evitar desperdícios, descarte impróprio de resíduos e, principalmente, acidentes no canteiro de obras.

Quando a NBR 6118 se aplica?

A NBR 6118 define os critérios gerais para todo tipo de projeto que envolva estruturas de concreto. Isso quer dizer que dentro dos parâmetros da norma estão incluídos elementos como:

  • prédios;
  • aeroportos;
  • portos;
  • obras hidráulicas;
  • edifícios;
  • pontes;
  • túneis;
  • e outros.

NBR 6118 1

Se a obra em questão, seja ela qual for, envolve uma estrutura de concreto, é necessário observar os aspectos levantados pela NBR 6118. Mais direto que isso impossível.

3 pontos que você precisa entender sobre a NBR 6118

Toda norma técnica tem alguns pontos altos que merecem atenção especial, e com a NBR 6118 não é diferente. Então preste atenção aos aspectos abaixo para que você fique por dentro da NBR e saiba como lidar com ela.

1. A norma não se aplica a todo tipo de concreto

A primeira surpresa que você talvez encontre é essa: a NBR 6118 se aplica a todo tipo de estrutura de concreto, mas não a todo tipo de concreto. O documento especifica bem quais tipos de massa são considerados na aplicação das diretrizes:

  • estruturas de concretos normais, identificados por massa específica seca;
  • a massa deve ser de 2.000 kg/m3 até 2.800 kg/m3;
  • ela deve fazer parte do grupo I de resistência (C10 a C50), conforme classificação da ABNT NBR 8953. 

Além disso, concretos especiais como concreto-massa e  concreto sem finos não valem para a norma. E por que é importante saber disso?

Porque toda especificação diferente da que foi mostrada acima deve respeitar diretrizes diferentes, de outra norma. Outro caso comum é que você tenha, na sua obra, tanto esse tipo de concreto quanto outros. O que fazer neste caso? Essa situação nos leva ao próximo ponto da lista.

2. A NBR 6118 é geral, mas não exclui NBRs específicas

Mesmo que você siga à risca a NBR 6118, deve se lembrar que ela traz procedimentos amplos a seguir. Em situações específicas, como partes da obra que contam com concretos especiais, o que deve ser feito?

Neste caso é responsabilidade dos encarregados da obra pesquisarem quais NBRs se aplicam aos casos específicos, e segui-las de perto.

E aqui vale um destaque:

O governo já prometeu rever todas as NRs, ou normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho. Mas esse processo ainda está em andamento e as NRs ainda valem. 

NBR 6118 2

Além disso, não se aplica às NBRs, que fazem parte de outro conjunto e elaboradas por outra entidade. Ou seja, nada de deixar as NBRs específicas de lado por acreditar que elas não valerão mais em pouco tempo, isso não vai acontecer. 

3. Ela contém referência a dezenas de outras NBRs

Não há muito como fugir do fato de que para seguir corretamente uma norma, é preciso seguir todas. Se a princípio isso pode parecer difícil demais, por outro se torna um tanto quanto automático. 

Uma norma não contradiz outra. E vários fatores se misturam durante uma construção. Por exemplo, ao mesmo tempo em que será necessário lidar com as estruturas de concreto, a NBR 6118 relaciona esse ponto com a necessidade de cuidar do projeto arquitetônico (como você vai ver abaixo).

Nisso já entra a NBR 16636, sobre elaboração de projetos arquitetônicos e urbanísticos. Tudo está conectado, como fica claro no NBR 6118, que cita dezenas de outras normas como referência para a boa realização das atividades da obra.

Mas aqui vale um lembrete:

A responsabilidade de consultar as respectivas normas e garantir que elas estejam atualizadas é de quem realiza a obra. Logo, apenas confiar que os documentos estão alinhados hoje é um erro.

3 cuidados necessários para aplicar a NBR 6118 do jeito certo

Mesmo que você pesquise bem a norma e saiba quais são seus pontos altos, ainda vale a pena tomar um cuidado especial com certas diretrizes apontadas nela. Caso contrário, todo o esforço em cumprir com a norma poderia ser jogado fora por conta de um erro.

Veja agora alguns cuidados que você precisa tomar para que isso não aconteça:

1. Transparência e boa comunicação sempre

A NBR 6118 faz um controle de requisitos para manter a qualidade da estrutura de concreto. E medidas preventivas devem ser tomadas para que todo o projeto seja executado de acordo com o planejado. 

Entre essas medidas, a norma determina que as partes envolvidas na obra devem discutir e aprovar as decisões sobre a estrutura. Depois disso, todos os integrantes da equipe de trabalho devem ser informados dessas decisões por meio de canais apropriados.

Em outras palavras, todo mundo precisa estar ciente do que deve ser feito e como fazê-lo. Isso evita acidentes e outros problemas que poderiam comprometer a qualidade e solidez da estrutura.

2. Arquitetura precisa se aliar a durabilidade

Outro cuidado que a norma determina é com as formas arquitetônicas do projeto. Elas não precisam ter um formato específico, mas é importante evitar formas que prejudicam a durabilidade da estrutura.

NBR 6118 3

Um exemplo disso seria usar formas bastante modernas e elegantes, mas que expõem a estrutura a condições fortes de agressividade ambiental. Isso engloba áreas marinhas, industriais e próximas à maré.

Assim, o cuidado com as estruturas de concreto passa não só pela composição dos materiais, mas por todas as etapas do projeto, até o planejamento arquitetônico.

3. Entendimento correto da simbologia

Um dos aspectos de grande importância para aplicar corretamente a NBR 6118 é o entendimento correto da simbologia de materiais e outros componentes do projeto. 

Pense no seguinte: 

Como os profissionais responsáveis pela obra vão aplicar corretamente as diretrizes técnicas se não entenderem o que os respectivos símbolos relacionados significam? Assim, é importante dar atenção a todos os símbolos e saber o que fazer quando encontrar cada um.

A NBR 6118 é muito importante, já que diz respeito a um dos materiais mais usados na construção civil no Brasil. Seguir essa norma, bem como as diretrizes que a complementam, vai evitar todo tipo de problema e assegurar o sucesso da sua próxima obra.

Além das NBRs, as NRs são obrigatórias, além de essenciais para o bom andamento de uma obra. Sabe o que pode acontecer se você descumprir alguma dessas NRs? Veja neste artigo quais são as consequências de ignorar as normas reguladoras!