Business Intelligence: Como colocar em prática na sua empresa

Misael Soares

Misael Soares

Product Manager há mais de 7 anos com expertise em Plataformas Digitais, Marketing e Business Intelligence.

6 de julho 2020

Antes da revolução da tecnologia e da aplicação dos conceitos do Business Intelligence, grandes empresas tomavam decisões táticas e estratégicas de forma empírica. Nesse modelo, alcançavam bons resultados as companhias em que o gestor tinha melhor intuição e habilidades operacionais.

O cenário atual é completamente diferente, e o sucesso de uma empresa está relacionado, em boa parte, com a capacidade de se antecipar e descobrir onde investir e onde recuar.

Como o mercado está cada vez mais competitivo, aumenta a necessidade de incorporar a habilidade de captar, tratar e apresentar dados. E existe um jeito de fazer isso de maneira sistemática na sua empresa, por tomar as melhores decisões com base em dados com a ajuda do Business Intelligence.

Neste artigo eu vou mostrar para você o que é Business Intelligence (BI) e quai são as principais ferramentas para colocar em prática essa estratégia.

O que é Business Intelligence?

Business Intelligence é um termo inglês que significa Inteligência de Negócios. Ou seja, é uma forma de conduzir uma empresa de forma inteligente, baseada em dados.

Diferente do que muitas pessoas pensam, BI não se trata de uma ferramenta de gráficos e indicadores e sim, o conceito implícito nessas ferramentas.

Se trata de um negócio que é conduzido de forma inteligente com base em dados bem estruturados e práticos.

No bom e velho português:

Nada de relatórios extensos e analíticos, você precisa de indicadores claros para que sua decisão seja rápida e precisa.

Business Intelligence na gestão de empresas

O processo do Business Intelligence se define na coleta, organização e processamento de dados, transformando-os em informações relevantes e insights de negócio.

Para que o Business Intelligence é indicado?

Desde a captação de leads, gerenciamento de crise e evolução das organizações, o Business Intelligence é indicado para nortear as decisões das empresas.

Cada departamento precisa dos seus próprios indicadores de BI e depende muito de cada gestor a leitura das informações mais importantes para suas decisões.

Colocando o Business Intelligence na prática

Um dos maiores desafios para utilização do BI é que a maioria das empresas tem dificuldades técnicas em coletar e organizar os dados de forma que eles possam representar algo valioso. E com isso mente, vou te dar algumas ideias de como aplicar este modelo na sua empresa.

Como obter insights de indicadores para o BI

Quando não temos muitas ideias de como podemos começar com o Business Intelligence existem maneiras de obter insights. E eu vou te mostrar a seguir uma bem simples e gratuita.

Uma vez com os dados coletados, você precisa adiciona-los ao Google Planilhas, uma ferramenta gratuita para gestão de planilhas eletrônicas do Google. Existe uma inteligência artificial no Google, o Explore, que gera informações e insights automaticamente quando você adiciona os dados.

Existem outras ferramentas do próprio Google para obter insights para o seu negócio como:

  • Insights (Think With Google) – Plataforma de conteúdos com tendências de consumo por categorias ou cenários econômicos;
  • Analytics – Aplicação para análise e monitoramento da sua atuação online;
  • Trends – Mostra as tendências de termos mais procurados na plataforma.

Uma vez que você já conseguiu obter alguns ensaios de dados e possíveis indicadores é necessário organizar os dados, ou seja, agrupar os dados de várias fontes, tratá-los se preciso e hospedá-los onde as ferramentas possam ler e gerar suas informações.

Como coletar os dados para o Business Intelligence

Antes de iniciar a coleta, você precisa ter de forma clara quais dados são importantes para gerar os seus indicadores, depois entender onde e como estão armazenados.

Se os dados estão todos em sistemas de gestão ou em vários sistemas integrados, o ideal que essa coleta seja feita via API. Essa coleta pode ser feita com atualizações automáticas ou através da exportação de dados de forma manual.

Business Intelligence na construção civil

Quais tipos de APIs servem para integrar com o BI

As APIs são o meio mais inteligente de integrar com as ferramentas de BI, pois se comunicam por um padrão estruturado de dados. Além disso, elas já contém, em sua maioria, as regras de negócio aplicada.

Os dois principais tipos de APIs são:

  • REST (API Transacional), mais indicada para tráfego de uma quantidade pequena de dados;
  • API Bulk Data (API Massiva de dados) que é ideal para utilização em sistemas de BI, pois pode trafegar um grande volume de dados por streaming.

Atualmente não são todos os sistemas de gestão que tem recursos de APIs, mas tem sido uma tendência. O Sienge Plataforma, por exemplo, tem APIs REST e APIs Bulk Data, onde todo o processo de integração com o BI é totalmente facilitado para seus clientes.

Por que não integrar o Business Intelligence via arquivos ou banco de dados

Conectar em ferramentas Business Intelligence via banco de dados ou por arquivos manualmente pode ser um processo complexo e demorado. Outro problema é que assim não é possível obter os dados em tempo real e se utilizar das boas práticas.

Conheça as 7 principais ferramentas de BI do mercado

Existem muitas ferramentas para BI, e na lista a seguir eu vou te apresentar as 7 principais ferramentas que você pode começar a utilizar conectadas aos seus dados.

1- Microsoft Power BI

Lançado em 2015, o serviço de análise de negócios vislumbra fornecer visualizações interativas e simples para que a pessoa possa criar seus próprios relatórios e dashboards.

O Power BI tem integrações com várias ferramentas da Microsoft e se destaca como líder no mercado brasileiro pois com ela é possível criar um fluxo automatizado com as APIs do seu sistema de Gestão.

A solução está disponível nas versões Desktop, web e fornece ainda uma modalidade para adicionar de forma transparente nos seus sistemas (Power BI Embedded).

2- Tableau

Lançada em 2003, a ferramenta de Business Intelligence Tableau tem funcionalidades capazes de se conectar e apresentar informações e dashboards conectadas com arquivos demográficos.

O Tableau tem integração com vários softwares e se conecta via APIs, bancos de dados e arquivos. Além de ser possível criar fluxos complexos de tratamento, filtro e validação de dados.

A solução tem disponibilidade nas versões Desktop e web e uma versão embedded.

3 – Google Data Studio

Uma plataforma muito robusta com planos gratuitos para Business Intelligence, o Google Data Studio reúne uma série de visualizações prontas criadas pela comunidade. Além disso, tem comunicação com Google Analytics e outras ferramentas da plataforma.

A aplicação conta com mais de 500 conjuntos de dados prontos e mais 230 conectores, desde comunicações via API, banco de dados, arquivos do Google Planilhas e outros.

É possível também adicionar de forma transparente os relatórios de Business Intelligence nos seus sistemas ou painéis internos de gestão à vista.

4 – Splunk

O Splunk é uma excelente alternativa para Business Intelligence além de ter recursos para visão em tempo real para Análise de Infraestrutura de TI e segurança de dados.

Através de fluxogramas você cria o processo para obter transparência dos fluxos de trabalho, eficiência operacional além de verificação de conformidade e os limites de desempenho.

5 – Alteryx 

O Alteryx é uma plataforma para Business Intelligence que faz a preparação e Blend Data. Organiza os dados através de fluxogramas e gera insights nos ambientes de visualizações.

Esta solução tem uma vertente de especialidade para modelos de investimentos imobiliários, área de negociação sob demanda e análise para o ciclo de vida para o local.

6 – Qlik

O Qlik é uma plataforma de Business Intelligence que visa entregar a qualquer pessoa uma visualização de dados, com as ressalvas das políticas de segurança aplicados.

A solução tem na versão web e on-premise e tem planos gratuitos limitados.

7 – Domo

O Domo é uma plataforma online de business Intelligence com vertentes especialistas em diversos setores e tem integração com várias ferramentas.

Assim, o destaque da Domo está nas possibilidades de integrações, são mais de 1.000 conectores adaptáveis e bidirecionais.

Business Intelligence na gestão de obra

O Poder do Business Intelligence para empresas da Indústria da Construção

 

É primordial que empresas da indústria da construção aprimorem seus processos para obtenção, organização e visões estratégicas com o business Intelligence, pois o mercado da construção é muito competitivo. Então, se tornar uma empresa Data Driven (Orientada a dados), utilizando o BI, é o caminho para aumentar os resultados da sua empresa.

Gostou de aprender como pode aplicar o Business Intelligence na sua empresa? Veja neste artigo como você pode usar os dados do seu sistema ERP para isso!