Construtoras inovadoras: Conheça a tecnologia Prevision e Sienge e faça parte desse grupo seleto

Renan Pittigliani

Renan Pittigliani

Analista de Customer Success na Prevision

4 de agosto 2021

Compartilhe

A pandemia tem mostrado a importância da inovação e da tecnologia para os negócios. Com a construção civil não é diferente. As construtoras inovadoras foram as que se saíram melhor desde que a pandemia começou, conseguindo manter a operação e entregando suas obras no prazo.

Para essas empresas, tudo isso foi possível com a combinação das ferramentas certas. Saber escolher as soluções com que a empresa vai trabalhar foi fundamental para as construtoras inovadoras. Se você também quer fazer parte desse grupo de empresas que estão à frente, continue lendo este artigo e veja como a Prevision e o Sienge podem ajudar!

Construtoras inovadoras: o cenário no Brasil

A construção civil foi um dos setores mais impactados pela pandemia. Embora não tenha sido um período fácil, as empresas que focam na inovação conseguiram lidar melhor com esse cenário. Períodos de crise, em geral, costumam impulsionar a inovação nas empresas, e aquelas que já são inovadoras têm muito a ganhar.

As construtechs são empresas que desenvolvem tecnologia para a construção civil.  De acordo com o Mapa de Construtechs e Proptechs 2021, da Terracotta Ventures, o ecossistema de startups de construção civil cresceu 19,5% desde o início da pandemia. O mapeamento também identificou um salto de 235% no volume de startups que atuam na  construção civil e no setor imobiliário.

Com maior necessidade de investir em inovação, as construtoras precisaram investir e adotar recursos mais inovadores e tecnológicos para se manter e crescer. Por isso, tamanho crescimento do ecossistema de fornecedores dessas tecnologias.

Uma pesquisa feita pelo Centro de Tecnologia de Edificações (CTE), pela EnRedes e pelo Instituto Quorum Brasil, com 330 construtoras brasileiras, mostra que:

  • 12% delas adotam Inteligência Artificial em seus processos;
  • 28% estudam soluções com impressão 3D;
  • 19% utilizam BIM em seus projetos.

Somente investir em tecnologia, no entanto, não é suficiente para categorizar construtoras inovadoras. Essas empresas precisam encontrar soluções que atendam às suas necessidades e combiná-las de forma estratégica.

Dessa forma, conseguem investir em recursos personalizados para cada necessidade do negócio e integrar os dados entre as ferramentas utilizadas. E é para  desenvolver essa inteligência que diversas construtoras inovadoras utilizam a Prevision e o Sienge em seus processos.

A seguir, você vai ver como a junção das ferramentas beneficia o trabalho das construtoras.

O que é a Prevision

A Prevision é uma solução de tecnologia focada em planejamento e gestão eficiente de obras. A plataforma ajuda as construtoras a reduzirem os desperdícios de qualquer natureza, auxilia na construção e otimização do planejamento de curto, médio e longo prazo. O planejamento detalhado pode ser feito utilizando a técnica de Linha de Balanço no cronograma.

Com essa técnica, a cada avanço físico e atualização do planejamento, o cronograma é automaticamente atualizado. A plataforma pode ser acessada por meio da web ou através de um aplicativo no celular. Ambos oferecem acesso direto ao cenário do canteiro de obras e possibilitam medições do avanço físico dos projetos.

Por meio da ferramenta, o engenheiro faz todo o planejamento da obra em poucas horas e integra todos da equipe. Isso porque a plataforma centraliza os principais indicadores do projeto em uma única tela, que facilita o entendimento. Além de permitir o acompanhamento das obras em tempo real, é possível trabalhar com cenários de planejamento — pessimista, realista ou otimista — o que facilita na tomada de decisão.

Esses recursos possibilitam uma visão macro e micro do projeto, permitindo que todos os envolvidos  consigam acompanhar o que está acontecendo em cada etapa.

O que é o Sienge

O Sienge é um ERP (Enterprise Resource Planning), que auxilia no gerenciamento de processos macro dentro das construtoras. Seu principal objetivo é facilitar o fluxo de informações e tarefas, permitindo a integração entre os dados e otimizando a tomada de decisões.

Utilizando o Sienge, a construtora tem todas as informações dos projetos, desde o canteiro de obras até o departamento financeiro, em um só lugar. Isso permite que a empresa:

  • acompanhe a evolução do projeto por meio de indicadores;
  • tenha mais controle sobre a sua gestão de estoque;
  • gerencie a mão de obra;
  • acompanhe diferentes pontos do canteiro de obras ao mesmo tempo.

Além disso, a construtora também consegue manter seu fluxo de caixa consolidado, com todas as previsões de contas a pagar e receber. O resultado é uma economia de tempo e dinheiro, pois o processo de compras de materiais fica mais organizado. Assim como a Prevision, o sistema Sienge opera de forma totalmente online.

Como a integração das duas soluções ajuda as construtoras

A Prevision e o Sienge se uniram para promover uma conexão direta entre o canteiro de obras e a gestão da empresa. Com isso, a construtora consegue manter o alinhamento entre suas diversas áreas e aumentar a assertividade na tomada de decisão. Além disso, consegue ter mais projeções nos níveis estratégico, tático e operacional.

Veja como funciona a integração entre as duas soluções:

  • Do Sienge para a Prevision: O orçamento do Sienge é importado para o Prevision e, em seguida, é vinculado ao planejamento. Com isso, é possível vincular os custos a cada serviço que consta no cronograma da obra.
  • Da Prevision para o Sienge: No Prevision, é possível acompanhar o avanço físico das obras através das medições e, com isso, atualizar o planejamento. Esse avanço físico dos serviços e suas novas datas de execução são exportados da Prevision para o Sienge, garantindo que todos os desdobramentos do planejamento possam ser utilizados.

Com a integração das duas soluções tecnológicas, a construtora obtém informações mais íntegras e alinhadas entre custos e o real status da obra. As análises econômicas e de fluxo de caixa são feitas com maior agilidade e precisão porque a integração proporciona   ainda mais sintonia e conexão entre físico e financeiro.

—> Saiba como fazer um gerenciamento de valor agregado completo e a conexão físico-financeira da obra com este eBook em parceria!

Além disso, a construtora consegue eliminar as distorções causadas pela importação de planilhas de Excel. Dessa forma, as informações do cronograma físico-financeiro passam a ter muito mais qualidade.

Quer saber o passo a passo de uma integração entre Sienge e Prevision? Confira o nosso vídeo!

Construtoras inovadoras que já usam estas ferramentas

Construtoras inovadoras, que buscam sempre otimizar seus processos, já estão aproveitando as vantagens da integração Sienge e Prevision. Para a construtora CK, de Itajaí (SC), a integração Sienge e Prevision possibilitou que a empresa avançasse em seu modelo de gestão.

A construtora otimizou a rotina de medições nas obras, que antes aconteciam mensalmente e, após a integração, passaram a ser feitas semanalmente. Logo após a medição na obra, as informações entre as duas plataformas são integradas. Com isso, a empresa ganhou mais velocidade na tomada de decisão.

“O mais legal de tudo é que a integração está fazendo com que o resultado de toda a equipe apareça na plataforma de forma transparente. Ninguém precisa fazer planilha para ter algum tipo de controle. Esse é o principal ganho, deixar o trabalho de todo mundo transparente no controle semanal”, comenta Leonardo Kock, gerente de engenharia da construtora CK.

A construtora Lumis, de Florianópolis (SC), já utilizava o Sienge em seus projetos, mas viu muitos processos mudarem ao realizar a integração com a Prevision.  A empresa passou a vincular o orçamento, feito no Sienge, ao planejamento, feito na Prevision.

Com a integração, todo o banco de dados disponível nas duas plataformas é conectado e acessado facilmente, trazendo coerência aos processos. Dessa forma, os profissionais envolvidos conseguem acessar o Sienge e extrair relatórios comparativos gerados automaticamente através da integração.

“No módulo de Suporte à Decisão do Sienge, você pode extrair o relatório de Custo por Nível, que é fundamental para o investidor. Esse relatório mostra uma tendência de custo da obra e está vinculado diretamente ao acompanhamento físico da obra”, explica Juliano Ribeiro Alves, engenheiro civil e coordenador de obras do grupo Lumis.

Além disso, Juliano completa que “a integração é fundamental para quem trabalha com planejamento de obras e quer extrair bons relatórios para investidores”.

Quer fazer parte do grupo de construtoras inovadoras que estão otimizando seus processos e melhorando seus ganhos, por meio da integração Prevision e Sienge? Experimente agora!

Compartilhe