banner sienge

TCPO e Tecnologia: combinação que transforma o orçamento

Blog > bim, funcionalidades-sienge, orcamento, sienge, software, tcpo
21 de agosto de 2017

A sua construtora sempre tenta acompanhar as mudanças tecnológicas. A cada projeto, as regras mudam e algo novo surge. Não é diferente com a TCPO (Tabela de Composição de Preços para Orçamentos). Ele está atualizado a tendências nem sempre fáceis de acompanhar!

Diante disso você fica com a sensação de que reaprender todos os dias é desgastante? Ou de que nunca consegue fazer o suficiente para ter um orçamento fiel à TCPO e à realidade?

Um novo projeto é sempre:

  1. (   ) Uma confusão em busca de dados para orçamentos.
  2. (   ) Um desafio que a construtora tenta resolver com a TCPO.
  3. (   ) Uma nova possibilidade de crescimento para a construtora.
  4. (   ) Todas as opções anteriores estão corretas.

Se você respondeu que há verdade em todas as alternativas, está mais perto de desvendar como a tecnologia e a TCPO são aliados da orçamentação.

Aqui você descobrirá que, com a ajuda de um sistema, é possível chegar a um orçamento de obra mais certeiro. E o que é ainda melhor: ter uma construtora mais produtiva. São cinco as principais vantagens da fusão tecnologia-TCPO!

Acompanhe a seguir!

#1 Atualizar e melhorar constantemente

Você sente que passa mais tempo buscando pelas atualizações do mercado do que realmente produzindo? Cuidado para não esquecer que ambos realmente importam.

 

Ter a última versão da TCPO é tão necessário quanto saber como usá-la em benefícios dos projetos da construtora.

Não corra mais atrás da tecnologia!

É possível tornar a apropriação dos recursos tecnológicos mais natural na sua construtora. Mas é claro que o desafio aumenta se você ainda vive a era das planilhas. A TCPO da Pini, por exemplo, já está na 15ª edição, com 920 páginas de modelos de composição de custos.

Vai passar tudo isso para as planilhas?

Em 2014 foi lançada a versão online da TCPO Pini. Isso significa que ficou mais fácil acessar as atualizações e melhorar os processos da construtora. Quando um preço ou índice demora a ser atualizado nos sistemas internos, o resultado é o rombo no orçamento. O que é um luxo na atualidade!

Em tempos de crise, você pode ficar sem TCPO e tecnologia?

Não é possível nem pensar na possibilidade de abdicar da tecnologia ou de passar horas copiando e colando dados estratégicos em planilhas. A tecnologia poupa tempo e ajuda a incorporar as atualizações da TCPO que agora ocorrem mensalmente. Além disso, evita perda de dinheiro!

Continue entendendo a relação entre a TCPO e a tecnologia!

#2 Acompanhar as transformações na Construção Civil

Como você viu no post sobre O que é a TCPO que a tabela é uma base de dados. O mais importante para esse tipo de recurso tecnológico é manter constantemente a atualização em relação às transformações do mercado.

Seja diante de crise e inflação ou apenas da especulação, a construção civil é sempre alvo de mudanças de preço, muitas vezes, repentinas. É também por isso que a TCPO da Pini passou a ser atualizado mensalmente.

Entenda por que a atualização mensal da TCPO é tão importante nesse post!

Você vai dizer que desde sempre a construção não muda, que até hoje a principal matéria-prima são tijolos cerâmicos furados. Eles estão na TCPO desde 1955, quando ele foi escrito pela primeira vez.

E você tem razão!

Mas perceba que são as transformações na construção civil que trazem os diferenciais, os ganhos em qualidade e a redução de custos. Fazer mais do mesmo tem sido o motivo de negócios falirem, não decolarem ou estagnarem.

Com a tecnologia, você tem condições de reavaliar, testar e ousar nos caminhos escolhidos para a construtora. A TCPO traz índices mínimos, médio e máximos de produtividade para cada colaborador da operação.

 

CONTEÚDO ESCOLHIDO A DEDO PARA VOCÊ:

 
        » TCPO – Como utilizar e analisar

Com o cruzamento entre TCPO e os dados do sistema de gestão, você avalia o desempenho dos seus pedreiros. Estão acima ou abaixo da média? Quais serviços rendem menos? O que fazer para melhorar?

Invista na TCPO aliada a um sistema de gestão!

 

#3 Usar ao máximo o recurso BIM associados à TCPO

Se você investir em uma TCPO atualizada, mas esquecer do sistema de gestão acabará subaproveitando as possibilidades. Afinal, a tabela traz sempre uma novidade. Dessa vez, diz a revista Construção Mercado, cada composição está relacionada ao código da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).

Que benefício essa mudança agrega aos projetos?

Agora a orçamentação pode estar ainda mais estreitamente relacionada à modelagem BIM (Building Information Modeling). Isso significa que é possível acessar objetos digitais da modelagem, a partir de cálculos orçamentários do TCPO.

 

CONTEÚDO ESCOLHIDO A DEDO PARA VOCÊ:

 
        » Você sabe o que é BIM? Entenda o conceito e suas aplicações

O orçamento ganhou contornos de realidade virtual!

Uma das maiores dificuldades da engenharia de custos era mostrar, na realidade, como os custos eram desenhados pelos projetos. Ou seja, cada investimento corresponde a um objeto específico. O BIM ajuda a compor visualmente os preços e outras referências que estão na TCPO.

Mas se o seu sistema de gestão não é preparado para o BIM, a construtora perde. Não somente porque não poderá integrar a tabela a essa modelagem, mas porque deixa de, realmente, ver o projeto de pé antes da construção pronta.

Agora você chegou à vantagem quatro, aquela que mexe no seu bolso!

banner sobre bim

#4 Monitorar preços dos fornecedores para além da TCPO

Uma das críticas mais severas à tabela da Pini é a predominância das regiões sul e sudeste na captação das referências. Construtores do norte e nordeste, por exemplo, não conseguem usar a tabela como gostariam. A conta da composição de custo nunca fecha a partir da TCPO.

Mas ninguém precisa ficar refém dessas limitação!

Veja como:

Se você tem um sistema de gestão que trabalha com autonomia, a referência de preços mais confiável é o seu próprio banco de dados! Isso mesmo: o seu ERP (Enterprise Resourse Planning) corresponde à base de dados mais confiável. Isso porque lida com o fornecedores e preços próximos.

Com um sistema de gestão integrado à TCPO, você consegue comparar o desempenho da construtora ao do mercado. É por essas e outras que a fusão entre ambos traz as melhores respostas para o seu negócio.

Hoje a TCPO tem:

  •      Mais de 8500 composições de serviços e preços de referência;
  •      4 mil preços de insumos;
  •      28 praças disponíveis para consulta.

E você pode ter nas mãos os dados que a sua construtora gera no dia a dia. Basta controlar o desempenho dos projetos com um sistema que permita a gestão completa da construtora.

Quem sabe qual é o resultado da fusão de ambos: TCPO e tecnologia?

#5 Garantir um orçamento mais efetivo

Você acertou se supôs que a resposta da pergunta anterior é a quinta vantagem da fusão entre tecnologia e TCPO!

Perceba que:

Todos os caminhos que passam pela TCPO conduzem a esse ao resultado preciso. Com isso, acaba a sensação de que a orçamentação é mera alegoria nos processos da construtora e que somente toma tempo.

Nenhuma construtora tem a obrigação de cumprir exatamente com o primeiro orçamento elaborado para um projeto. Até porque, o processo de orçamentação é sempre retomado. Os resultados mudam constantemente, porque o mercado da construção exige isso. É só olhar para a TCPO!

Hoje a TCPO é mensal! E os processos na construtora, como são controlados?

Você deseja que a sua construtora faça esse controle em três dimensões, a partir do BIM e ainda realize o controle de custos com base na TCPO? O portal G1 mostra que essa é uma tendência da construção civil. Para isso, é preciso de um sistema que corresponda às expectativas. Mas como escolher o ERP?

Já experimentou o Sienge?

Conclusão

O Sienge pode ajudar a compreender o que realmente foi usado nas obras, tanto insumos, quanto serviços e equipamentos. Isso torna mais fácil a tarefa de validar as informações do memorial descritivo, tão importante para a segurança legal e financeira da obra.

Se você ainda tem dúvidas ou quer apenas aprofundar conhecimentos sobre TCPO e tecnologia, continue a ler o Blog do Sienge e deixe seus comentários.

Fique à vontade para curtir também!

Mas se você tem interesse em fazer uma demonstração de uso do Sienge, basta clicar aqui.

Tomás Lima

  • Gestor de Conteúdo
  • Graduado em Administração pela UFMG
  • Apaixonado por Construção Civil
 

Deixe um Comentário

Receba Novidades do Blog
Coloque o seu email acima para receber gratuitamente as atualizações do blog!
Saiba como o Sienge pode ajudar a sua empresa