Como funciona um sistema de gestão da qualidade na construção civil

André Quinderé

André Quinderé

CEO da Aval Tecnologia, engenheiro civil com pós-graduação em gestão de projetos e experiência em implantação de novas tecnologias e práticas do Lean Construction em diversos tipos de obra, totalizando mais de 3.000.000,00 de m² de área construída impactados. É um dos responsáveis pelo desenvolvimento do Agilean, solução pioneira em levar o Lean Construction de forma digital ao canteiro de obras e vencedora do Prêmio CBIC de Inovação e Sustentabilidade 2020.

29 de junho 2021

Compartilhe

Você tem um sistema de gestão da qualidade na sua construtora? Muitas empresas têm dificuldades para garantir que o trabalho seja feito da forma que foi planejado, mas não sabem como mudar isso.

Um dos motivos de tanta dificuldade é que a gestão tradicional da qualidade já não consegue atender mais a demanda do setor da construção. São muitos processos, normas reguladoras e padrões de qualidade para acompanhar apenas de forma manual, como é o costume hoje.

Por isso, neste artigo, eu vou te mostrar como funciona um sistema de gestão da qualidade 4.0, que é capaz de atender às necessidades do mercado atual da construção civil.

Como funciona a gestão da qualidade tradicional

Em primeiro lugar, para dar o contexto que você precisa, é importante explicar como funciona o modo tradicional de fazer a gestão da qualidade nas obras. Para resumir, separei em 3 itens abaixo um resumo de como é a gestão da qualidade que muitas empresas ainda usam:

Verificação manual

Muitas empresas precisam verificar a qualidade dos serviços de forma manual, com checklists e fichas de verificação de serviços (FVS) em papel. O primeiro grande problema disso é o tempo gasto para verificar item por item de forma física.

Muitas empresas precisam verificar a qualidade dos serviços de forma manual, com checklists e fichas de verificação de serviços (FVS) em papel

Além disso, a inspeção do serviço feito e a medição da qualidade do serviço muitas vezes são feitas de forma separada, ou seja, a rotina é repetida e desalinhada.

Documentação complexa

Outro ponto negativo da gestão da qualidade tradicional é que é muito difícil documentar e organizar tudo usando apenas o papel. O volume de dados é muito grande e complicado de organizar.

Além disso, é complicado para quem vai fazer a inspeção documentar não conformidades, já que isso só aumenta ainda mais a pilha de arquivos.

Informação difícil de compartilhar

Para completar o ciclo, a documentação é toda física, então é difícil compartilhar as informações encontradas com outros profissionais para corrigir os problemas encontrados. Por exemplo, numa auditoria online, como acontece muito durante a pandemia, é preciso tirar fotos ou prints de documentos físicos, o que dificulta o trabalho do auditor.

Outro problema é que com arquivos físicos fica muito mais fácil perder documentos, ou deixar de realizar reparos importantes. Em outras palavras, o modelo atual de controle da qualidade torna mais difícil encontrar e reparar problemas em qualquer parte da obra.

Como fica claro, esse modelo de gestão da qualidade é complicado e pouco eficiente, mas existe uma nova forma, muito mais eficaz e produtiva: o sistema de gestão da qualidade 4.0.

Como funciona o sistema de gestão da qualidade 4.0

Trocar o modelo anterior para o sistema de gestão da qualidade 4.0 é como mudar da água para o vinho, pois tudo se torna mais simples, ágil e eficaz.

Veja abaixo alguns dos principais elementos do novo sistema e o quanto ele pode ajudar a sua construtora ou incorporadora:

Planejamento rápido

Um sistema de gestão da qualidade 4.0 torna muito fácil e rápido fazer o planejamento das atividades. Por exemplo: é possível usar a linha de balanço num sistema digital específico em poucos minutos. Além disso, o sistema já está conectado às equipes de campo, garantindo uma gestão integrada.

Por outro lado, empresas que usam soluções manuais para criar suas linhas de balanço, como o Excel, perdem muito tempo e têm dificuldades ao fazer qualquer ajuste nas linhas.

Eficiência da produção em tempo real

Outra facilidade é para acompanhar os indicadores de produtividade da obra, que no sistema de gestão 4.0 acontece em tempo real. Por meio de painéis interativos, é possível acompanhar o que esta sendo feito, o que já foi concluído e como isso afeta o cronograma da obra.

Aliás, você só consegue fazer esse tipo de acompanhamento em tempo real com o uso de ferramentas digitais integradas com o trabalho realizado no canteiro.

Rastreio das equipes de trabalho

Com um sistema de gestão da qualidade 4.0 você consegue até saber onde está cada profissional da sua equipe e se isso está de acordo com a atividade planejada para a equipe.

Assim, isso adiciona um nível de detalhamento do serviço que seria impossível ter de outra maneira, além de permitir encontrar problemas de produtividade por conta de logística.

Alinhamento entre produção e gestão da qualidade

Logo acima eu falei do desalinhamento que existe entre o acompanhamento da produção com o alinhamento da qualidade. Ou seja, a tarefa de avaliar qual serviço foi feito e se o serviço está dentro do padrão deveria ser uma só, mas na gestão tradicional da qualidade não funciona assim.

A boa notícia é que no sistema de gestão da qualidade 4.0 as duas coisas ficam alinhadas. O sistema gera checklists digitais logo após o fim de cada tarefa, e o responsável pode usá-los para medir  a qualidade do serviço de forma imediata.

Informação centralizada

Nada de arquivos ou pastas em papel, informações repetidas e espalhadas em vários lugares ou fotos de baixa qualidade tiradas de documentos físicos: na gestão da qualidade 4.0 a informação é toda centralizada e fácil de acessar.

Por se tratar de um sistema digital em nuvem, todos os profissionais que precisam ter acesso às informações fazem isso em tempo real, de qualquer lugar.

Documentação imediata

Por fim, ao fazer a inspeção de um serviço no modelo de gestão da qualidade 4.0 é possível tirar fotos e incluí-las no arquivo digital em tempo real. Assim, ao avaliar um problema, os responsáveis por resolver a situação terão todas as informações que precisam, até mesmo visuais.

E sabe o que você ganha com isso?

Você consegue garantir o padrão de qualidade da sua obra como um todo, não apenas para vistorias de rotina, mas para seguir no dia a dia tudo o que planejou antes de a obra começar.

Sistema de gestão da qualidade 4.0

Por que a sua empresa precisa de um sistema de gestão da qualidade 4.0

Ao comparar os modelos de gestão já dá para ter uma noção do quanto o sistema de gestão da qualidade 4.0 vale a pena. Mas vale a pena olhar de perto para o assunto, e vamos ver 3 motivos para você migrar de vez para um sistema de gestão digital. Os motivos são:

1. Entregar mais resultados

Com o modelo 4.0 você consegue cumprir de forma mais completa o grande objetivo de um sistema de gestão da qualidade: entregar mais resultados. Nada fica perdido ou confuso, pois é fácil encontrar, documentar e corrigir qualquer não conformidade rapidamente.

2. Integrar rotinas diárias com a gestão da qualidade

Infelizmente, muitas empresas ainda fazem um esforço grande demais para se adequar às normas antes de uma auditoria, mas não conseguem manter sempre o padrão. Mas um sistema de gestão da qualidade 4.0 é o caminho para mudar isso. Como assim?

Com o sistema você pode integrar a gestão da qualidade com as rotinas diárias. Ou seja, garantir todos os dias que a empresa está seguindo o padrão mais alto de qualidade. Assim, será preciso fazer apenas pequenos ajustes e revisões antes de uma auditoria.

3. Aumentar a transparência e eficiência do trabalho

Por falar nas auditorias, é importante mostrar transparência e seriedade, tanto com os auditores quanto com os clientes. E um sistema de gestão da qualidade eficiente e moderno mostra o compromisso em agir assim.

Sistema de gestão da qualidade aumenta a transparência e eficiência do trabalho

Aliás, mostra também o compromisso de trabalhar no mais alto nível de qualidade e fazer não só o obrigatório, mas o melhor para o cliente.

Por fim, fica claro que o sistema de gestão da qualidade 4.0 é uma inovação essencial para o presente e o futuro da construção civil. Com a solução, é mais fácil manter o padrão de qualidade da obra, ganhar produtividade e até se preparar para as auditorias regulares com facilidade.

Gostou de ver como um sistema de gestão da qualidade 4.0 muda o desempenho de qualquer empresa da construção civil numa obra? Então veja alguns cases de sucesso que mostram o uso estratégico da tecnologia na prática!

Compartilhe