banner sienge

Os 5 edifícios mais altos do Brasil e do mundo: você sabe quais são?

7 de fevereiro de 2017

Os edifícios mais altos do Brasil e do mundo costumam impressionar e chamam atenção de turistas e profissionais da área da construção civil, tanto pela imponência quanto pela tecnologia envolvida em uma obra dessa magnitude. Até o final de 2022 estarão em Balneário Camboriú, Santa Catarina,  os cinco edifícios mais altos do Brasil. E com uma característica peculiar: voltados exclusivamente para uso residencial (estão de fora do ranking dois empreendimentos, um na cidade catarinense e outro em São Paulo, porque ainda estão em fase de incorporação). Ao redor do planeta prevalecem as construções de uso misto, que acomodam hotéis, residências e espaços comerciais. No mundo, são os países da Ásia e Oriente Médio que aparecem nas primeiras posições do ranking como sedes de megatorres.

Os novos super altos nas areias do balneário catarinense acabaram com a hegemonia dos prédios com mais de cem metros de altura localizados em São Paulo. Até 2014, por exemplo, com a inauguração do Millennium Palace (hoje o mais alto do Brasil se consideradas as obras já concluídas em Balneário Camboriú) o Palácio W. Zarur, com seus 67 andares, a capital paulista se mantinha há 47 anos no topo do ranking. O prédio é um ícone da engenharia brasileira por ser um dos primeiros arranha-céus do mundo a ser totalmente construído em concreto armado.

Megatorres ao redor do globo

Quando olhamos para cima, no Oriente Médio e Ásia, os picos vão ainda mais longe. O Jeddah Tower, também chamado de Kingdom Tower, que deve ficar pronto em 2020 na cidade de Jidá, Arábia Saudita, é o maior colosso da engenharia. Com mil metros de altura, vai ultrapassar em 172 metros o Burj Khalifa, hoje o mais alto do planeta (828 metros e 163 andares), localizado em Dubai, nos Emirados Árabes.

Edifícios mais altos do Brasil e do mundo: planejamento e tecnologia

Para o presidente do SindusCon de Balneário Camboriú, Carlos Julio Haacke, o Brasil está definitivamente inserido na era dos edifícios super altos, sobretudo pela qualidade dos insumos e dos materiais empregados na construção, além dos software para projetar, planejar e fazer a gestão das obras. “Prédios com mais de 150 metros de altura exigem projetos hidro sanitários, elétricos e contra incêndio com muitas especificidades. Por isso, os software que permitem engenharia simultânea se tornaram importantes ferramentas para se chegar ao produto final. Eles garantem também a interação adequada entre os profissionais envolvidos com a obra.”

E tecnologia é o primeiro item na lista das construtoras que desbravam o mercado dos arranha-céus e constroem os edifícios mais altos do Brasil e do mundo. “Não se pode pensar em projetar este tipo de edifício sem o consumo de muitas horas na análise do modelo estrutural”, observa Augusto Guimarães Pedreira de Freitas, vice-presidente de Tecnologia e Qualidade da Abece (Associação Brasileira de Engenharia e Consultoria Estrutural). Assim, testes em túnel de vento, classes especiais de concreto e engenheiros com experiência são imprescindíveis.

Edifícios mais altos do Brasil e do mundo causam menor impacto ambiental

O engenheiro Rafael Possobon, vice-presidente de tecnologia inovadora e sustentabilidade do SindusCon de Balneário Camboriú, defende que os edifícios super altos são o futuro das cidades porque reduzem o impacto ambiental. Eles aproveitam o máximo do potencial de construção dos terrenos, reduzindo então o perímetro urbano. Além, é claro, de ampliar o leque de oportunidades para engenheiros cada vez mais qualificados.

Bem-estar: como fazer com os edifícios super altos?

Daniel Safarik, editor da revista do CTBUH (Council on Tall Buildings and Urban Habitat), faz observação pertinente aos empreendedores de megatorres. Ele diz que as “pessoas precisarão de mais conexões nos níveis superiores. Para tornar a vida nos andares superiores mais atraente, os desenvolvedores terão de levar muitas das comodidades existentes no térreo para os andares altos.” Significa que todas as necessidades e atrações disponíveis no chão terão de mover-se também para o alto. Mais pontes suspensas conectando os edifícios também ajudarão a fomentar as atrações de um edifício com base nas de seus vizinhos, sugere.

Os cinco edifícios mais altos do Brasil (ranking Skyscraper Center)

  1. Yachthouse Residence Club by Pininfarina Tower 1
  2. Yachthouse Residence Club by Pininfarina Tower 2

    Localizado junto à marina do rio Camboriú, na badalada Barra-Sul de Balneário Camboriú, o empreendimento da Pasqualotto&GT Empreendimentos leva a assinatura do estúdio de design italiano Pininfarina. As duas torres, de uso exclusivamente residencial, vão chegar a 275 metros de altura, divididas em 75 pavimentos e 252 apartamentos. As obras começaram em 2014 e devem ser concluídas em 2018.

    prédio mais alto do brasil

    As torres 1 e 2 do empreendimento mais alto do Brasil estão em construção em Balneário Camboriú, SC



  3. One Tower

    O One Tower também disputa o espaço da Barra-sul, em Balneário Camboriú. O projeto da FG Empreendimentos e projeto estrutural (tipo hélice contínua) assinado pela Reical Engenharia, a torre de 263 metros terá 70 pavimentos voltados para uso residencial. A construção iniciou em 2015 e vai levar sete anos para ser finalizada, em 2022.

    one tower balneario camboriu

    Foto: FG empreendimentos

     

  4. Infinity Coast Tower

    Os 66 pavimentos do Infinity Coast fazem dele uma torre de 237 metros de altura com três tipos de plantas de apartamentos. Localizado na quadra do mar, na Barra-norte de Balneário Camboriú, deve ser concluído em 2017, totalizando cinco anos de obras (iniciadas em 2013).

    infinity coast predio em balenario camboriu

    Foto: FG empreendimentos



  5. Epic Tower (Blue Sea Tower)

Em 2014, a FG Empreendimentos começou as obras do Epic, uma torre de apartamentos com 220 metros e 58 pavimentos. Está localizado na avenida Atlântica, de frente para o mar, na região da Barra-Sul, Balneário Camboriú.

epic tower balneario camboriu

Foto: FG empreendimentos

Os cinco edifícios mais altos do mundo (ranking Skyscraper)

  1. Burj Khalifa

    A torre possui uma base com três asas e a posição delas forma uma escada em espiral na direção da esquerda, em torno do edifício e serve para contrariar os ventos fortes e tempestades de areia. O sistema da torre utiliza núcleos de concreto armado de alta resistência reforçada em cada coluna, que estão alinhados com os condutores de todas elas para se obter a estrutura e maior resistência à torção da força do vento. A partir do andar 156 é apenas a estrutura de aço.

    • Localização: Dubai, Emirados Árabes
    • Altura: 829.8 metros (163 pavimentos acima do solo e um abaixo)
    • Uso: comercial, residencial e hotel (o hotel ocupa os primeiros 37 andares e há 700 apartamentos de luxo do nível 45 ao 108)
    • Status: inaugurado em 2010 (obras iniciaram em 2004)
    • Propriedade/desenvolvedor: Emaar Properties
    • Design: arquiteto mexicano-americano Adrian D. Smith (Skidmore, Owings & Merrill LLP)

    burj khalifa dubai

    Burj Khalifa – o prédio mais alto do mundo



  2. Shangai Tower

    O desenho da fachada de vidro é capaz de reduzir as cargas de vento sobre o edifício de 24%. A torre é organizada como nove edifícios cilíndricos empilhados, delimitada pela camada interna da fachada de vidro. Entre esta camada e o exterior, que torce como se levanta, nove jardins interiores em diferentes níveis fornece o espaço público para os residentes.

    • Localização: centro financeiro de Pudong, em Xangai, China
    • Altura: 632 metros (128 pavimentos e 5 no subsolo)
    • Uso: hotel e centro comercial
    • Status: inaugurado em 2014
    • Estrutura: estrutura mista (aço e concreto)
    • Propriedade/desenvolvedor: Shanghai Tower Construction & Development
    • Design: Gensler

    shanghai tower

    O segundo prédio mais alto do mundo fica em Xangai, na China



  3. Makkah Royal Clock Tower (Abraj Al Bait Towers)

    O complexo Abraj Al Bait reúne 7 arranha-céus na cidade de Meca, na Arábia Saudita. A torre do relógio, também conhecida por Makkah Royal Clock Tower detém vários recordes: o mais alto hotel do mundo, a mais alta torre de relógio do mundo, o maior mostrador de relógio do mundo, a maior área coberta de um edifício, e o terceiro prédio mais alto do mundo. Este edifício fica ao lado da maior mesquita do mundo, onde fica a Caaba, o lugar mais sagrado do islamismo. Os fiéis do islã rezam 5 vezes por dia voltados para a direção da Caaba, e diz-se que todo muçulmano com condições financeiras e físicas deve peregrinar à Meca ao menos uma vez na vida.  

    • Localização: cidade de Meca, Arábia Saudita
    • Altura: 601 metros (120 pavimentos e outros 3 no subsolo)
    • Uso: hotel e residencial (na torre central ficam 858 suítes do hotel; as outras seis torres, cujas alturas variam entre 200 e 300 metros, são ocupadas por apartamentos)
    • Status: o empreendimento foi concluído em 2012 (as obras iniciaram em 2002)
    • Estrutura: aço e concreto
    • Propriedade: Ministry of Islamic Affairs
    • Desenvolvedor: Grupo Saudita Bin Laden
    • Design e design estrutural: Dar al-Handasah Shair & Partners; SL Rasch

    makkah royal clock tower

    A Makkah Royal Clock Tower fica ao lado do local mais sagrado do islamismo: a Caaba

  4. One World Trade Center (Freedom Tower)

    O One World Trade Center é um super alto de 541,3 metros que agrega o que há de mais moderno e seguro em tecnologia de concreto. Em alguns pontos, as fundações chegam a 185 metros de profundidade e se espalham em uma área de 2 milhões de m². Elas sustentam um enorme radier, cuja superestrutura consumiu 150 mil m³ de concreto. O One World Trade Center foi construído no lugar onde ficavam as Torres Gêmeas, derrubadas no ataque terrorista de 11 de setembro de 2001.

    • Localização: cidade de Nova York, local onde anteriormente se encontrava o complexo do World Trade Center, nos Estados Unidos
    • Altura: 541 metros (94 andares e 5 pavimentos no subsolo)
    • Uso: comercial
    • Status: inaugurado em 2014 (obras iniciaram em 2006)
    • Estrutura: aço e concreto
    • Propriedade: Authority of New York and New Jersey; The Durst Organization
    • Desenvolvedor:  Port Authority of New York and New Jersey; The Durst Organization
    • Design arquitetônico: Skidmore, Owings & Merrill
    • Design estrutural: WSP Cantor Seinuk
    one world trade center

    O One World Trade Center fica no lugar das Torres Gêmeas do World Trade Center que sofreram o atentado terrorista de 11 de setembro, em Nova Iorque

     

  5. Guangzhou CTF Finance Centre

    O projeto é derivado da síntese eficiente de seus múltiplos usos. Sua forma é esculpida em quatro grandes pontos de transição: escritório para residencial, residencial para hotel, hotel para coroa e coroa para o céu. Em vez de afunilamento para acomodar as placas de piso menores necessárias para diferentes programas, a torre retrocede em quatro parapeitos angulares. Terracota foi usada na construção da torre.  A energia incorporada de terracota é muito menor do que o alumínio, vidro ou aço. É autolimpante e resistente à corrosão. Como é produzida no país, reduziu o impacto no transporte.

    • Localização: Cantão, China
    • Altura: 530 metros (111 andares e 5 pavimentos no subsolo)
    • Uso: edifício é utilizado como um centro de conferências, hotel, observatório, shopping e edifício de escritórios (são 251 quartos de hotel e 355 residências nos 16 andares mais altos)
    • Status: concluído em 2016 (obras iniciaram em 2010)
    • Estrutura: aço e concreto
    • Propriedade: Chow Tai Fook Enterprises
    • Desenvolvedor: New World Development Company Limited
    • Design arquitetônico: Kohn Pedersen Fox
    • Design estrutural: Arup

    Guangzhou CTF Finance Centre

 

Os cinco edifícios mais altos do mundo até 2022 (ranking skyscraper Centrer)

  1. Jeddah Tower (Kingdom Tower)

    Segundo engenheiros envolvidos na construção, foram necessárias fundações de 60 metros de profundidade para sustentar o edifício. Caso contrário, a ação da maresia, devido à proximidade com o mar, poderia corroer a estrutura. Outro desafio é a pressão dos ventos e a solução, segundo os arquitetos, foi desenhar a torre em formatos curvos. Quando terminado, deverá ser o primeiro edifício do mundo com mais de 1 quilômetro de altura,  com exatos 1.008 metros.

    • Localização: Cidade litorânea de Jeddah, Arábia Saudita
    • Altura: 1 mil metro (167 pisos acima do solo e 2 abaixo)
    • Uso: Hotel e residencial (439 apartamentos e 200 quartos de hotel)
    • Status: conclusão prevista para 2020 (obras iniciaram em abril de 2013)
    • Propriedade/desenvolvedor: Jeddah Economic Company
    • Design: Adrian Smith e Gordon Gill Arquitetura

    jeddah tower torre de gidá

    Imagem do projeto Adrian Smith e Gordon Gill Arquitetura/CTBUH

     

  2. Burj Khalifa

    A torre possui uma base com três asas e a posição delas forma uma escada em espiral na direção da esquerda, em torno do edifício e serve para contrariar os ventos fortes e tempestades de areia. O sistema da torre utiliza núcleos de concreto armado de alta resistência reforçada em cada coluna. A partir do andar 156 há apenas estrutura de aço.

    • Localização: Dubai, Emirados Árabes
    • Altura: 829.8 metros (163 pavimentos acima do solo e um abaixo)
    • Uso: comercial, residencial e hotel (o hotel ocupa os primeiros 37 andares e há 700 apartamentos de luxo do nível 45 ao 108)
    • Status: inaugurado em 2010 (obras iniciaram em 2004)
    • Propriedade/desenvolvedor: Emaar Properties
    • Design: arquiteto mexicano-americano Adrian D. Smith (Skidmore, Owings & Merrill LLP)

    burj khalifa dubai


  3. H700 Shenzhen Tower (China Gate)
    • Localização: na cidade de Shenzhen, China
    • Altura: 739 metros (169 pavimentos)
    • Status: projeto apresentado em 2016, sem previsão de início e término das obras
    • Desenvolvedor: Shenzhen Kingkey Real Estate Development Co. Ltd
    • Design: bKL Architecture

     

    h700 shenzhen tower torre shenzhen

    Imagem do projeto by bKL Architecture/CTBUH

     

  4. Dubai One

    • Localização: Dubai, Emirados Árabes
    • Altura: 711 metros (161 pavimentos)
    • Uso: residencial (o complexo inclui marina, centro comercial, hotéis, parque aquático, centro de conferências, espaços para esporte e eventos)
    • Status: conclusão prevista para 2021 (obras iniciaram em 2016)
    • Desenvolvedor: Meydan Group
    dubai one tower torre

    Imagem: Meydan Group /CTBUH

     

  5. CTF Wuhan (Wuhan Chow Tai Fook Financial Centre)
  • Localização: Wuhan, China
  • Altura: 648 metros (121 pavimentos)
  • Uso: edifício comercial
  • Status: conclusão prevista para 2022 (obras iniciam em 2017)
  • Desenvolvedor: New World Development Company Limited
  • Design: Ronald Lu & Partners


    ctf wuhan copyright Rider Levett Bucknall

    Foto: Rider Levett Bucknall

Brenda Bressan Thomé

  • Editora do blog Sienge
  • Especialista em comunicação em mídias digitais
  • Jornalista formada pela UFSC
  • Filha de Engenheiro Civil e apaixonada por Construção
 

  • Luiz Pegorer

    Um grande engodo a afirmação de que edifícios altos são convenientes para as cidades. Cria-se barreiras para os ventos e para os relacionamentos sociais, congestiona-se o trânsito e extrapola a demanda de equipamentos públicos, como de água, energia, captação de águas pluviais e de esgotos (inclusive de tratamento), cria-se esforços impensáveis para o solo com fundações duvidosas, principalmente no litoral. Enfim o caos.

  • Lorenzo Loreto

    Balneário Camboriú está buscando cada vez mais, se o Brasil na situação atual ainda consegue contruir arranha-céus modernos, imagina se o crescimento ecônomico surgir, podemos chama-lá de “Dubai brasileira” pelas linhas e boa aparência de suas torres.

  • Wádson Simões

    Atualmente o maior prédio do Brasil não é mais o Millenium Pallace,e sim o Órion Business and Weath em Goiânia(Goiás) com 183 metros e 50 andares!…Da uma pesquisada no google que vocês irão encontrar.

    • Tomás Lima

      Muito obrigado pela informação, Wádson!
      Realmente o post ficou um pouco desatualizado.
      Sempre que tiver mais alguma observação, é só falar!
      Abraços

Receba Novidades do Blog
Coloque o seu email acima para receber gratuitamente as atualizações do blog!
Saiba como o Sienge pode ajudar a sua empresa