banner sienge

Gestão de Custos – A construção civil em outro nível

Blog > construcao, gestao, software
7 de julho de 2015

Cada custo deve ser apropriado de forma correta, na obra em que estava trabalhando quando o custo foi gerado e a Gestão de Custos vai te ajudar muito!

Então, que tal agora conhecer as principais características a serem analisadas no momento da escolha da solução ideal para ajudar você a fazer a Gestão de Custos com precisão? Vamos a elas:

#1 Consolidar os custos envolvidos na rotina de manutenção preventiva.

Gerenciar detalhadamente todo o custo necessário para a operação de cada máquina, permite a apropriação conforme o período da manutenção e a obra em que estava trabalhando na época. A rotina de manutenção das máquinas e equipamentos envolve troca de peças, óleo, graxa, pneus entre outros, que ocorrem durante toda a vida útil deste componente.

#2 Gerenciar a alocação das máquinas e equipamentos.

Permitir que o custo de um equipamento seja diluído para composição do custo de cada serviço de forma individualizada. Desta forma, o custo é apropriado diretamente na obra em que o equipamento estiver de fato trabalhando.

Custo de aquisição, vida útil, valor residual, depreciação são todos envolvidos no cálculo do custo hora desta máquina e sua apropriação é direta nas obras em que trabalham.

banner sobre o quiz insumos da construção civil

#3 Fornecer opções de registro e análise em diferentes níveis de detalhamento.

Sua construtora pode optar por níveis diferentes de detalhamento quando faz a estruturação da análise financeira de seus empreendimentos. Logo, a apropriação dos custos de sua obra, pode ser realizada também em diferentes níveis, como por exemplo, por obra, célula construtiva, etapa, ou serviço, de acordo com sua estratégia. Uma boa solução de gestão de obras deve oferecer a visibilidade destes custos nestes níveis, de forma prática, integrada e confiável.

#4 Dar visibilidade da tendência dos custos da obra.

Acompanhar e analisar os insumos orçados em comparação com os apropriados e o que está sendo realizado, dá a sua empresa a oportunidade de ajustar os custos de suas obras na hora certa. Consolidar andamento físico e financeiro pode apontar uma tendência de desvio dos custos da obra, quando o andamento está desencontrado. Esta é um recurso essencial em uma solução de gestão de obras.

#5 Apresentar diferenças entre apropriações e orçamento.

Uma solução completa, integra o orçamento da obra com o controle financeiro da sua empresa. Desta forma, identifica facilmente diferenças de apropriação financeiras na obra, que não foram orçados. Esta informação é base para análises gerenciais dos orçamentos de obra e serve como lição aprendida para melhorar orçamentos de novos empreendimentos.

#6 Armazenar e fornecer comparativos de histórico de custos.

A apropriação de Gestão de Custos em suas obras, por meio de um software para construção civil, dá a sua empresa a possibilidade de construir um grande histórico de informações relativas a composição de custos. Com ele, sua empresa passa a contar com orçamentos cada vez mais precisos, pois tem como base o custo já realizado por cada máquina em obras similares.

Com estas dicas você encontrará uma solução tecnológica que vai atender as necessidades de sua construtora, permitir a apropriação exata dos custos nas suas respectivas obras, e trazer a visão real da rentabilidade de seus empreendimentos.

Fale conosco, faça sua Gestão de Custos corretamente e tenha o resultado final de sua com precisão!

banner sobre o quiz insumos da construção civil

Brenda Bressan Thomé

  • Editora do blog Sienge
  • Especialista em comunicação em mídias digitais
  • Jornalista formada pela UFSC
  • Filha de Engenheiro Civil e apaixonada por Construção

Leave a comment

Receba Novidades do Blog
Coloque o seu email acima para receber gratuitamente as atualizações do blog!
Saiba como o Sienge pode ajudar a sua empresa