banner sienge

Construção Civil – Maiores desafios do setor no Brasil

Blog > construcao, gestao, incorporacao, industria-da-construcao, sienge, software, tendencias
28 de novembro de 2013

Apesar de passar por algumas situações alarmantes, como mostram as capas das revistas, muitas das questões levantadas na Construção Civil eram especulações.

 Revista Construção Civil

Como por exemplo, em meados 2007 , a preocupação era a bolha imobiliária, a reportagem da machete “Boom ou Bolha”, questionou crescimento abrupto do setor, mas também fez o contraponto ao falar que tal desenvolvimento é sustentável e ao mostrar as diferenças entre o mercado imobiliário brasileiro e o Europeu e Americano.

Em 2008 a preocupação era a falta de material. Passados mais de três anos, a resposta foi dada pela indústria de materiais de construção, que aumentaram a capacidade de produção, ampliaram a distribuição, buscaram sistemas construtivos industrializados e recorreram à importação de materiais, quando necessário.

Construção Civil

No ano seguinte, em 2009 o assunto que estampou capas de revistas foi o fim dos bons momentos da construção civil, o que fomentou tal especulação foi a possibilidade da crise mundial atingir ou não o Brasil. O que vimos foi o setor da construção se destacar na geração de empregos formais, o aumento nos investimentos ante ao ano anterior e crescimento em ritmo intenso – compare os gráficos de venda, velocidade, lançamentos e estoque do post:  “Passado Recente da Indústria da Construção” .

Já em 2010, o que aterrorizou o setor da construção foi a falta de mão de obra. Bolha Imobiliária, altos custos, falta de crédito, foram, novamente, as preocupações em 2011. Não há provas que evidenciam estamos vivendo ou não em um bolha imobiliária, mas há estudos que mostram onde estão os riscos e quais são os pontos fortes no nosso cenário atual – veja a pesquisa feita por alguns especialistas na Exame.

Revista Construção Civil

Ano passado, falou-se da exportação de serviços brasileiros e da retração das grandes incorporadoras, já esse ano, sobre os preços, aumento necessário da produtividade, infraestrutura urbana, código florestal, subsídios do governo, novas leis relacionadas a qualidade da construção, custo da obra, bolha imobiliária.

Contudo, sabemos que questões como falta de crédito, falta de mão de obra, falta de material e os outros pontos abordadas são problemas reais, mas têm solução e precisam ser enfrentados pelo setor -leia também, é hora de aumentar a produtividade na indústria da construção. As oportunidades oportunidades existem e para enfrentar os novos desafios na indústria da construção existem diversas alternativas.

Brenda Bressan Thomé

  • Editora do blog Sienge
  • Especialista em comunicação em mídias digitais
  • Jornalista formada pela UFSC
  • Filha de Engenheiro Civil e apaixonada por Construção

Leave a comment

Receba Novidades do Blog
Coloque o seu email acima para receber gratuitamente as atualizações do blog!
Saiba como o Sienge pode ajudar a sua empresa