Entenda como o chatbot do Sienge chegou ao WhatsApp

12 de dezembro de 2018

A espera foi grande, mas no início do segundo semestre de 2018, finalmente, saiu a liberação da API do WhatsApp Business. Isso veio para transformar o relacionamento entre clientes e empresas de médio e grande porte. Principalmente, pela integração com os chatbots, uma das maiores tendências para a comunicação no mundo dos negócios.

whatsapp business 2

Para quem não estiver familiarizado com o WhatsApp voltado a negócios, ele permite a criação de um perfil comercial no qual podem ser inseridas informações das empresas. Endereço físico, site, e-mail, horários de funcionamento e discriminação dos serviços prestados são as principais.

Essa ferramenta, que já é utilizada por milhões de pessoas ao redor do mundo, automatiza mensagens que respondem as perguntas mais recorrentes dos consumidores e também gera estatísticas de leitura.

Liberação da API

Talvez você ainda não saiba o que é uma API, mas não se preocupe, eu explico. Essa sigla vem do inglês (Application Programming Interface) e significa Interface de Programação de Aplicativos. De uma maneira simples, API é o conector que viabiliza o câmbio de dados entre sistemas.

Agora, voltemos ao que interessa! A liberação da API do WhatsApp Business aconteceu no dia 1 de agosto deste ano, e chegou com a intenção de melhorar os serviços de atendimento ao cliente.

  • “E como isso pode me ser útil?”

O sistema da sua empresa integrado ao do WhatsApp troca informações com os consumidores, administra pedidos e possibilita que seus atendentes interfiram e auxiliem manualmente os clientes quando for necessário. Tudo com um rígido controle de segurança para evitar chateações para ambos os lados.

Ou seja, usando o maior mensageiro do planeta, você pode proporcionar ao seu cliente um atendimento eficiente tanto do modo tradicional (atendentes humanos), quanto através de chatbots.

whatsapp business chatbot

Chatbots no atendimento

Os chatbots, como já foi dito lá em cima, estão trilhando firmemente o caminho para dominarem o atendimento ao cliente num futuro bem próximo. Eles são robôs que interagem com os usuários, seja por mensagens de texto ou de voz, e facilitam – e muito! – a comunicação.

Alguns – os melhores do mercado – dispõem de Inteligência Artificial, o que é bem conveniente! Visto que chatbots dotados de IA aprendem sozinhos com o passar do tempo e melhoram o desempenho constantemente. Bem como sua capacidade de compreender cada vez mais as intenções dos usuários e solucionar problemas.

Normalmente, chatbots executam tarefas com base em regras, partindo de palavras-chave e obedecendo a fluxos de navegação. Esses fluxos, trocando em miúdos, são as ações e respostas referentes às possíveis abordagens dos usuários.

Mas por que usar chatbots? Talvez, estas 3 razões sejam suficientes para te convencer:

1 – Chatbots podem estar em qualquer setor;

2 – Chatbots estão disponíveis todos os dias, a qualquer hora e podem ser acessados de qualquer lugar;

3 – Chatbots reduzem custos!  

Chatbot do Sienge integrado ao WhatsApp

Você já conheceu o chatbot que é totalmente integrado ao Sienge? Susana é uma assistente virtual que foi desenvolvida pela equipe da plataforma Push, sob a visão de otimizar os serviços financeiros das construtoras e incorporadoras.

A assistente é habilitada a enviar alertas de vencimento e cobrança, dar a posição financeira dos clientes, negociar dívidas, solicitar adiantamento de parcelas, gerar boletos com registros diretos no banco da sua empresa e executar negativações e retiradas do SPC e SERASA. Tudo automaticamente!

Ela está disponível em vários canais, inclusive, graças à tão esperada liberação da API, no WhatsApp. A integração do chatbot do Sienge – vulgo Susana – com o aplicativo, além de todos os recursos que já vimos no decorrer deste post, concede:

  • a análise de dados e métricas das conversas;
  • elaboração de relatórios;
  • gerenciamento de contatos;
  • divulgação da conta oficial;
  • envio de notificações periódicas.

Isso vai engajar o seu consumidor e fazer seu negócio ser lembrado como um modelo. E você quer deixar sua empresa fora dessa?

Laís Padilha

  • Criação de Conteúdo da Ilhasoft
 

Receba Novidades do Blog
Coloque o seu email acima para receber gratuitamente as atualizações do blog!
Saiba como o Sienge pode ajudar a sua empresa