Planilha Orçamento de Obra 3.0

BAIXE A PLANILHA GRÁTIS

Esse material é útil para

  • Obter gráficos e relatórios automatizados [NOVA FUNCIONALIDADE]
  • Utilizar insumos retirados diretamente da Tabela Sinapi [NOVA FUNCIONALIDADE]
  • Ter visões sintéticas e analíticas do orçamento de obra.
  • Organizar todos os custos de obra.
  • Melhorar o planejamento e a gestão de empreendimentos.

Sobre o Material:

Indicado para:

  • Gestores;
  • Engenheiros;
  • Orçamentistas.

É útil porque: é uma versão atualizada da clássica planilha de orçamento de obra do Sienge, mas com ainda mais recursos.

O assunto:

A planilha de orçamento de obra gratuita do Sienge vai te ajudar a organizar as finanças da sua obra. Ela possui as informações da Tabela Sinapi cadastradas: é só colocar o código correspondente da tabela que a planilha puxa todas as informações do insumo.

Esta planilha de orçamento de obra de construção civil em formato .xlsx (que você pode utilizar em seu Excel ou outra ferramenta de planilhas como o Google Sheets) irá trazer assertividade para seu planejamento de custos da obra.

Além disso, o orçamento de obra é fundamental para o controle e gestão de gastos de cada cada empreendimento de sua empresa. É por isso que nós do Sienge oferecemos esta planilha de orçamento de obra gratuita, para que você melhore a gestão das suas obras e da sua empresa.

 O Orçamento de Obras

Imagine que você precisa comprar alimentos para fazer um jantar. Antes mesmo de sair de casa, é necessário fazer uma lista de compras, com todos os itens que você precisa para cozinhar os pratos escolhidos. 

Chegando no supermercado e com a lista em mãos, é pouco provável que você coloque no carrinho a primeira opção de cada item da lista que apareça na sua frente. É necessário analisar preços, marcas, tamanhos, especificações e a quantidade necessária – caso contrário, o gasto pode ser maior do que o previsto e a qualidade do jantar preparado pode ser duvidosa.

O exemplo acima parece distante, mas o orçamento de obras funciona de maneira similar nos projetos de construção civil. Segundo uma pesquisa da consultoria Delloite, a diferença entre o que foi orçado e o custo real de uma obra é de, em média, 21,7%

Este índice mostra que, em uma rotina cheia de imprevistos e detalhes que definem a qualidade e os custos de um projeto, o orçamento é a diferença entre negócios bem ou mal sucedidos.

De maneira geral, o orçamento funciona como um memorial quantitativo dos serviços, materiais e etapas de cada obra. O engenheiro civil, professor e consultor Aldo Dórea Mattos define o orçamento como um “exercício de previsão”, capaz de delimitar a lucratividade e o sucesso da construtora em seus empreendimentos.

Apesar de ser umas das etapas mais importantes para a realização de um projeto construtivo, o orçamento de obras é extremamente negligenciado dentro das empresas de construção civil.

Por depender de uma série de elementos, cálculos e variáveis, muitos profissionais e gestores competentes acabam não realizando um orçamento funcional e adequado ao projeto a ser executado. Exemplo disso são os projetos superfaturados ou paralisados no Brasil por extrapolarem o orçamento inicial das construtoras.

O orçamento, que também podemos chamar de composição de custos, deve ser capaz de retratar a realidade do projeto e estar intimamente atrelado ao planejamento da obra. 

Dessa maneira, o documento produzido pelo engenheiro responsável (sim, o orçamento é um documento!) possui valor prático e pode efetivamente orientar a empresa em relação aos seus gastos, lucros e deveres relacionados à construção de um projeto.

O Que Compõe Um Orçamento de Obra?

De maneira geral, um orçamento de obras é constituído pelos custos com a mão de obra aplicada, materiais utilizados, equipamentos e subempreiteiros contratados (se houver). 

Por isso, os menores dos itens devem ser indicados, juntamente com suas respectivas quantidades: caminhões/sacos de cimento e areia, quantos pedreiros, carpinteiros e ajudantes deverão ser contratados, por quanto tempo e por qual salário, o valor do aluguel ou compra de equipamentos e por aí vai.

O orçamento vai além de preços, custos e cálculos. Ele possui uma abrangência maior, servindo como base para tarefas como:

  •  Planejamento de compras;
  •  Parcerias com fornecedores;
  •  Índices de acompanhamento;
  •  Metas de desempenho ao longo das obras;
  •  Definição do tamanho das equipes alocadas para cada fase;
  •  Cronograma físico-financeiro projeto.

A quantificação dos materiais necessários para cada serviço deve ser feita com base nos desenhos fornecidos pelo projetista, considerando-se as dimensões e suas especificações técnicas – por exemplo, ao se medir a área de piso de um apartamento, deve-se separá-la por tipo de revestimento a ser utilizado.

Principalmente no caso dos materiais – necessários para a fundação, estruturação, acabamento, cobertura ou em outra fase da obra – o orçamentista também precisa levar em conta as perdas e desperdícios que naturalmente acontecem.

Atributos De Uma Orçamentação De Obras 

O orçamento de obra não pode ser pensado como uma simples planilha com números, listas e fórmulas. 

Todo o processo deve ser regido por princípios de orçamentação – ou seja, métodos de obtenção do orçamento final – já que, por se tratar de previsão, acaba englobando uma margem de defasagem e diferenças entre o valor obtido para cada item e o valor real na execução do projeto.

Aldo Dórea Mattos define três principais atributos do orçamento de obras: aproximação, especificidade e temporalidade. Entenda a seguir o que cada um desses atributos significa:

Aproximação

Por se basear em previsões de custo, todo orçamento é aproximado, onde há uma estimativa associada para cada item necessário durante as obras. No entanto é preciso ter cautela: o orçamento não deve ser exato, mas preciso. 

A prática da orçamentação de obra, aliada aos cálculos e métodos adequados, deve fornecer um valor próximo ao custo real de um projeto. Quanto mais apurada e criteriosa for a orçamentação, menor será a margem de erro e as chances de desastres financeiros no decorrer das obras.

A aproximação de um orçamento está presente em praticamente todos os itens, como mão de obra, materiais (incluindo perdas e impostos) e na produtividade dos equipamentos utilizados.

Especificidade

O orçamento deve ser sempre visto como um documento personalizado e único, sem validade aplicável para outro projeto. Mesmo que o orçamentista se baseie em obras anteriores para elaborar outro orçamento, sempre é necessário fazer adaptações.

Fatores como a cidade onde o projeto será construído, as condições de relevo do terreno, e as próprias políticas internas e o padrão de qualidade da construtora alteram efetivamente o orçamento de uma obra para outra.

Temporalidade

Orçamentos acompanham tendências de mercado e perdem a validade com uma certa rapidez. Por isso, um orçamento realizado há um ano ou mais, por exemplo, já não é mais válido atualmente.

Isso acontece porque o custo dos insumos pode aumentar ou diminuir ao longo do tempo, de acordo com a inflação e o próprio nível de atividade do setor no país. 

Além disso, encargos trabalhistas e impostos também sofrem modificações constantes – como o aumento anual do salário mínimo ou a criação de tributações específicas para determinados setores.

De maneira geral, todo o cenário financeiro e gerencial do país e da própria empresa fazem com que os orçamentos elaborados possuam um prazo de validade.

* A Planilha de orçamento de obra é gratuita e aberta a edições, portanto não nos responsabilizamos pelos conteúdos da mesma e os resultados apresentados.

Baixe agora nossa Planilha de Orçamento de Obra e traga assertividade para seu planejamento de custos!

Desenvolvida por:

logo sienge plataforma

O Sienge Plataforma é uma plataforma de gestão especializada no setor da construção com mais de 3000 clientes em todo o Brasil.

O sistema é desenvolvido pela Softplan, uma empresa de tecnologia de Florianópolis que atua no mercado há mais de 29 anos.

A plataforma é composta por vários módulos interligados, assim é possível optar por quais e quantos contratar. Cada um deles é focado em resolver os problemas e facilitar o cotidiano de empresas que trabalham com construção.