Gestão para incorporadora: boas práticas para garantir o sucesso da sua empresa

Gustavo Prata

Gustavo Prata

Engenheiro Civil com mais de 12 anos de experiência em gerenciamento de obras, planejamentos, controle de cronograma físico-financeiro, orçamentos e organização de obras. Atualmente, é Product Manager no Sienge.

17 de agosto 2021

Compartilhe

Você já parou para pensar como um bom programa de gestão para incorporadora pode transformar os resultados do negócio? Se nunca fez este exercício, é provável que você seja quem mais precisa dele.

Afinal, uma gestão de primeira linha é feita com foco total e atenção até nos elementos que outros podem achar sem importância para o negócio. Diante disso, é essencial pensar com clareza no que envolve um bom trabalho de gestão para sua incorporadora.

Pensando nisso, neste artigo eu vou te mostrar os 2 pontos que ninguém enxerga quando se fala no assunto e 4 boas práticas de gestão para incorporadora para aplicar agora.

Os 2 pontos que ninguém enxerga quando se trata de gestão para incorporadora

O pior dos problemas é aquele que todo mundo vê, mas ninguém presta real atenção. Ele fica “escondido à vista de todos” até que o resultado negativo estoura como surpresa. A má notícia é que quando isso acontece o prejuízo já é grande demais e as soluções simples não resolvem mais a situação.

Quando se trata de gestão, ainda mais para incorporadoras, esse problema se repete:

Muitos diretores e donos de empresas do setor se concentram demais na parte técnica do trabalho e acham que isso é o principal para o negócio ter sucesso. A verdade é que construir com qualidade e segurança é apenas parte do que faz uma empresa de sucesso.

A gestão envolve, acima de tudo, os dois pontos que vou destacar agora para você:

1. Tudo se resume a pessoas

Quando se fala em gestão, é comum ver muitos profissionais colocarem o foco em processos e tecnologia, e esses dois pontos são mesmo muito importantes. Mas, no fim das contas, tudo se resume a pessoas.

Na gestão, tudo se resume a pessoas

Pense comigo:

Se as pessoas não estiverem dispostas e bem treinadas, os processos, por melhores que sejam no papel, não vão funcionar. E o mesmo vale para a tecnologia, pois quem vai operá-la são as pessoas.

Por isso, a gestão humana e focada no bem estar do pessoal tem ganhado tanto espaço nos últimos anos. Aliás, a melhor saída é não pensar nisso como tendência ou regra, apenas como princípio de vida.

Quando um gestor tem as pessoas ao seu lado, ele tem tudo o que precisa para fazer a melhor gestão possível, mesmo que esteja limitado em recursos.

2. A melhor gestão é feita antes da crise

Um dos piores erros que um gestor pode cometer é esperar uma crise chegar para começar a arrumar as coisas. Isso seria como um bombeiro que espera o incêndio começar para comprar os equipamentos e arrumar a estação de trabalho.

Guarde este conceito:

A melhor gestão é feita antes da crise, nos momentos em que algumas das ações parecem nem ter tanto valor ou importância. É essa preparação que vai salvar o negócio em momentos de problemas inesperados.

Mas o contrário também é verdade:

Fazer gestão só em momentos de crise é quase garantia de decisões ruins, problemas inesperados e sofrimento adicional.

4 boas práticas de gestão para incorporadora que vão te ajudar a ter mais sucesso

Os dois pontos que destaquei acima dão a você uma visão estratégica importante para trabalhar a gestão da sua incorporadora com a mentalidade certa. Mas você também precisa saber como executar a parte operacional do trabalho.

Por isso, eu separei uma lista com 4 das melhores lições e boas práticas de gestão para incorporadora que você pode aplicar. Você vai notar que algumas das dicas desta lista não têm data de validade, ou seja, vão funcionar sempre.

Sendo assim, se você quer aumentar suas chances de ter sucesso na gestão da sua incorporadora, faça o seguinte:

#01. Esteja pronto para se adaptar rapidamente

Se tem uma lição que a pandemia do Covid-19 deixou para todas as empresas da construção civil, é que grandes problemas podem acontecer sem aviso.

E a diferença entre quem mal sobrevive, quem fecha as portas e quem até consegue prosperar e crescer se resume a uma habilidade: o poder de se adaptar rápido.

Sem dúvida, estar pronto para agir sem demora quando algo dá errado ou quando uma nova oportunidade aparece é um dos ativos mais importantes de uma empresa. Mas o que a gestão tem a ver com isso?

Tudo. As pessoas, processos e tecnologia precisam ser ágeis  e trabalhar de forma integrada. Sem isso é muito difícil agir rápido e se adaptar a qualquer cenário.

#02. Aprenda a usar a internet a seu favor

Já faz anos que você lê isso, mas ainda é um alerta necessário: a internet é a melhor fonte de novas receitas para qualquer setor hoje em dia, inclusive para incorporadoras. E quem sabe navegar neste ambiente não ganha seguidores ou curtidas, mas clientes e dinheiro.

Por isso é tão importante contratar profissionais que saibam como usar a internet para fazer sua incorporadora vender mais e se relacionar melhor com os interessados. Por exemplo, você já pensou em contratar profissionais como copywriter, social media, designer, editor de vídeos ou gestor de tráfego?

E se você nem sabe quem são esses profissionais, aí está o alerta vermelho de como sua incorporadora precisa usar melhor a internet.

#03. Foque em coisas que não mudam

Este conselho nem é meu, mas de alguém que já fez (e continua fazendo) muito mais dinheiro: ninguém menos que Jeff Bezos, fundador da Amazon.

E a ideia por trás do conselho é bem simples:

Quem se concentra no que nunca muda sempre leva vantagem sobre quem tenta adivinhar tendências. Afinal, uma tendência em potencial pode nunca virar realidade. Mas algo que nunca muda é uma certeza, é algo concreto.

E existem várias certezas de coisas que nunca vão mudar na gestão para incorporadora. Por exemplo, os clientes nunca vão acordar um dia e desejar que os imóveis fossem de menor qualidade, que o atendimento fosse pior ou que o preço fosse mais alto. Então, deixe que o foco da sua gestão sejam esses elementos que nunca mudam.

#04. Prepare uma estrutura de gestão baseada em tecnologia

Esta talvez seja a dica central deste artigo, pois ela torna possível aplicar todas as outras dicas de forma muito mais fácil e completa. Aliás, sem aplicá-la é muito mais difícil executar as outras dicas da lista.

Estou falando de criar uma estrutura de gestão baseada em tecnologia, ou seja, usar uma plataforma integrada ao fazer a sua gestão para incorporadora.

plataforma integrada ajuda na gestão para incorporadora

Na prática, isso significa usar um único sistema que inclui todas as soluções de gestão que a sua empresa precisa, desde o orçamento até o acompanhamento da obra no canteiro.

Pense em quanto tempo, dinheiro e mão de obra qualificada um sistema digital de gestão integrada vai economizar em todas as suas obras e você terá uma dimensão do seu valor.

Estamos falando aqui de algo muito mais avançado que uma planilha ou PDF: se trata de uma central completa com tudo o que cada setor precisa saber em cada obra.

Agora você tem em mãos um verdadeiro mapa das melhores práticas de gestão para incorporadora. Além de saber os 2 pontos que ninguém enxerga, você ainda tem uma lista de 6 ações para aplicar a partir de já a fim de tornar sua empresa mais ágil, segura e eficiente em todos os sentidos.

E se você quiser saber como transformar a gestão da sua empresa com a ajuda de uma plataforma integrada, como citei na dica #04, leia este post com tudo que você precisa saber sobre o assunto!

Compartilhe