Inttegrare Engenharia

Ter a segurança de que mês que vem não vai faltar dinheiro. Você poder trabalhar menos preocupado com o futuro, ter mais assertividade em relação aos custos.

Veja a entrevista completa com o gestor da Inttegrare e descubra como que, o Sienge Go!, o William agora tem a previsão de custos e o panorama financeiro das suas obras.

 

Me conta um pouco sobre a Inttegrare, vocês são em três sócios né?

Sim, nós três, e temos mais um estagiário.


A quanto tempo vocês tem a empresa?

Há 4 anos.


E hoje vocês gerenciam empresas terceirizadas?

Na verdade, obras de clientes, pessoa física, a gente gerencia a obra. E estamos iniciando obras próprias também nesse segundo semestre.

Essas obras são só construção ou é incorporação também?

Só construção, unidades unifamiliares.


Willian,  vocês contrataram o Sienge Go! principalmente para ajudar na gestão da empresa, gastar menos tempo com gestão, certo?

Isso, a gente tinha uma rotina de análise toda em excel e isso estava tomando bastante tempo. Em função da falta de tempo, algumas análises estavam bem defasadas, então foi mais essa questão de organização administrativa.

 

Hoje com o Sienge Go! vocês conseguiram melhorar isso?

Conseguimos melhorar bastante. O processo de colocação e extração dos dados foi mais simples para mim porque eu tinha um contato com o Sienge em outra construtora que eu trabalhei quatro anos atrás. Em função disso eu já conhecia alguns aspectos, no caso lá é um ERP e aqui é mais simplificado e isso auxiliou bastante. Está sendo bem tranquilo essa implantação.

 

Qual funcionalidade do sistema está ajudando mais a sua empresa?

Acho que é poder organizar as receitas e as despesas futuras e ter o fluxo de caixa um pouco mais organizado com informações que são atualizadas automaticamente, sem precisar fazer tanta coisa como no excel.

 

Em relação as reuniões de implantação, o que você está achando. Está ajudando vocês?

Sim, tá bem bacana. Ele traz alguns aspectos, analisando se é viável ou não para nós nesse momento, sempre trazendo uma nova visão sob a nossa metodologia de trabalho. Tá sendo bem legal, ele tá auxiliando bastante.

 

Alguma coisa mudou na rotina de vocês depois do Sienge Go! ?

Mudou. Mudou com a questão de eu conseguir justamente ter uma visão mais exata do futuro próximo. Antes era muito imediato, eu sabia o que eu tinha para pagar hoje, mas eu não conseguia ter muita precisão do que poderia acontecer mês que vem e hoje eu já consigo ter isso na minha frente bem facilmente.

 

E qual o impacto positivo disso na empresa?

Ter a segurança de que mês que vem não vai faltar dinheiro. Você poder trabalhar menos preocupado com o futuro, ter mais assertividade em relação aos custos.

 

O que está achando do funcionário digital ?

Eu vi que é uma ferramenta que auxilia bastante, principalmente a questão de já fazer uma filtragem sobre aquilo que você está pedindo de forma mais automática.

 

Quais são os planos de vocês para daqui a alguns anos?

O plano é começar a incorporar e depender menos de projetos e obras de terceiros. Trabalhar apenas para nós, ter mais volumes de obras próprias. É se tornar efetivamente uma incorporadora.

 

E como você acha que o Sienge Go! vai ajudar vocês nisso?

Pensando na questão que a gente tem uma segurança em relação aos números que a gente tem hoje, a gente tem mais tempo e mais tranquilidade para pensar no futuro, eu acho que nisso o sistema está auxiliando. Temos a segurança do momento e daquilo que pode vir em breve e aí a gente consegue projetar melhor as coisas do futuro.

 

Quer saber como nossas soluções podem ajudar sua empresa a crescer?

Peça uma demonstração do Sienge GO!

Peça uma demonstração