Posts Tagged / SPED Fiscal

Levando conhecimento para a Indústria da Construção




Mudanças no SPED contribuições para a Construção. Fique atento!
SPED apresenta mudanças para a Construção Civil
Postado dia 14 de março de 2014 | Nenhum Comentário
Categorias: Fiscal, Funcionalidades Sienge, Indústria da Construção, Sienge

A principal mudança no SPED se refere a entrega da EFD Contribuições. O Sienge te ajuda a entender cada um dos pontos.

O Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) é um programa do governo que visa deixar todo o conjunto de declarações e obrigações fiscais e contábeis em meio eletrônico.

O SPED Fiscal é a categoria mais importante para a indústria da construção civil. O sistema exige maior integração dos processos da empresa – sobretudo com a parte financeira. Considerando os segmentos de trabalho dos nossos clientes, a maior modificação referente à demonstração do EFD Contribuições ocorreu para as empresas de Sociedade em Conta de Participação – SCP.

Até fevereiro de 2014, em relação aos dados de dezembro de 2013 e meses anteriores, a entrega da EFD Contribuições era feita em um único arquivo para a empresa sócio ostensiva e SCP. A partir de março de 2014, para os fatos geradores desde janeiro de 2014, a empresa sócia ostensiva deve transmitir um arquivo e a SCP outro.

A alteração é válida apenas para as Sociedades em Conta de Participação. No arquivo referente à declaração da EFD, deve-se informar se a empresa cadastrada no Sienge é principal, filial ou SCP. Assim como nos parâmetros da geração do arquivo, a empresa deve informar também a natureza da pessoa jurídica.  Veja abaixo, como você fará isso no Sienge.

img-blog

Para os nossos clientes, a declaração será feita normalmente através do sistema Obrigações Fiscais. Na versão 7.24, liberada no dia 11/03/14, essa mudança já está disponível. Os clientes que possuem sua base hospedada em data center terão essa atualização feita automaticamente. Já para aqueles que não possuem, será necessário fazer a atualização do sistema manualmente.

Se você ficou com alguma dúvida sobre como gerar a EFD ou SPED Fiscal, abra um chamado através do Espaço Cliente Sienge ou ligue para (48) 3027-8100.

Se você ainda não conhece o sistema Obrigações Fiscais, saiba como ele pode ajudar a sua empresa, entrando em contato com um de nossos consultores.

eSocial: O Que vai Mudar para Sua Empresa
eSocial – O que é e como afetará a sua empresa
Postado dia 21 de outubro de 2013 | Nenhum Comentário
Categorias: Fiscal, Incorporação, Indústria da Construção, Sienge, Software

Alvo de muitos dúvidas, o eSocial será obrigatório para algumas empresas já em 2014. Saiba como evitar surpresas e problemas.

A nova obrigação abrange a todos os contribuintes, desde o empregador doméstico até as grandes empresas, contemplando a escrituração digital da folha de pagamento, as alterações no contrato de trabalho e nas atividades desempenhadas pelo trabalhador, as informações sobre os serviços contratados por empreitada ou por intermédio de cooperativas, entre outras.

Todas as obrigações trabalhistas, previdenciárias e fiscais a respeito de contratações de trabalhos no Brasil farão parte do eSocial, o que resultará na eliminação de uma série de obrigações acessórias, entre outras obrigações fiscais.

Para as empresas em geral, a escrituração do eSocial será feita através de arquivos digitais, bem semelhante ao do SPED, que já vem sendo declarado faz algum tempo (aprenda mais sobre o SPED no nosso Blog).

banner do ebook sobre produtividade na construção

O calendário de implantação do eSocial nas empresas, divulgado em eventos onde a Receita Federal tem participado, é o seguinte:

  • Empresas tributadas pelo Lucro Real devem efetuar o cadastramento em janeiro de 2014 e entregar a folha de pagamento, através do eSocial, em março de 2014;

  • Empresas tributadas pelo Lucro Presumido devem efetuar o cadastramento em julho de 2014 e entregar a folha de pagamento, através do eSocial, em setembro de 2014;

  • As demais empresas devem efetuar o cadastramento em janeiro de 2015 e entregar a folha de pagamento, através do eSocial, em março de 2015;

  • No exercício de 2014 não haverá mais DIRF;

Para as empresas da construção essa declaração acontecerá no ano que vêm, então é bom estar em dia com a declaração para evitar multas. Para as empresas que usam o Sienge com o nosso software de RH, além de deter melhor as informações referentes a folha de pagamento, ainda conseguirão gerar o arquivo compatível com o leitor da receita.

Quando estiver mais próximo da declaração do eSocial vamos fazer um post especial explicando como fazer a declaração do eSocial através do nosso software de RH, se você quiser ser informado sobre esse post, preencha o formulário abaixo:

SPED Fiscal
SPED Fiscal é o tema do nosso Ciclo Sienge Norte
Postado dia 10 de setembro de 2013 | Nenhum Comentário
Categorias: Ciclo Sienge, Ensino, Funcionalidades Sienge, Incorporação, Indústria da Construção, Sienge

Chegou a hora do Norte do país receber nosso aguardado Ciclo Sienge de palestras. E o tema é Sped Fiscal, o qual temos recebido diversas dúvidas.

Segundo o Ministério da Fazenda o projeto do SPED tem como objetivo uniformizar e racionalizar o processo de declarações das obrigações acessórias, assim as declarações podem ser enviadas em um único documento,  para os diferentes órgãos do governo.

Recentemente, após o lançamento do do Sped Fiscal, que teve sua primeira declaração obrigatória no início de 2013, o Governo fez o Sped Social ou eSocial, que é um novo componente do SPED, abrangendo folha de pagamento e as obrigações trabalhistas, previdenciárias e fiscais relativas aos vínculos trabalhistas.

O SPED Fiscal envolve um série de especificidades, e cada tipo de negócio tem diferentes orbigações fiscais para declarar, o mesmo acontece para o SPED Fiscal para  indústria da construção. Veja a baixo alguns dos assuntos que serão abordados no nosso Ciclo Sienge de Palestras no norte do Brasil:

  • Consistência das informações;

  • Atendimento de prazos;

  • Incidência de multas;

  • EFD Contribuições para empresas de lucro presumido.

Vá ao link a baixo para se inscrever no Ciclo Sienge edição Norte:

Ciclo Sienge de Palestras

TEMA - SPED FISCAL PARA A CONSTRUÇÃO CIVIL
Vagas limitadas

SPED Fiscal

SPED Fiscal
SPED Fiscal
SPED Fiscal – Ciclo Sienge de Palestras para a construção civil
Postado dia 24 de junho de 2013 | Nenhum Comentário
Categorias: Ciclo Sienge, Ensino, Fiscal, Gestão, Indústria da Construção, Sienge, Software, Tendências

Dando continuidade aos nossos esforços de deixar o SPED Fiscal cada vez mais claro, oferecemos mais um Ciclo Sienge sobre o tema.

O Ciclo Sienge de Palestras é mais uma forma que temos de nos aproximarmos dos nossos clientes, parceiros e sindicatos, como já foi falado em posts anteriores, e é por isso que retomamos com os Ciclos de Palestras no segundo semente.

Nessa segunda etapa explicaremos as especificidades e particularidades do Sped Fiscal na indústria da construção, em especial o EFD contribuições que afeta diretamente as empresas de incorporação imobiliária. Além disso, será mostrado como um sistema de gestão pode facilitar esse processo, evitando atrasos e multas.

Veja aqui os tópicos que serão abordados:

  • Consistência das informações;
  • Atendimento de prazos;
  • Incidência de multas;
  • EFD Contribuições para empresas de lucro presumido.

Confira algumas das cidades por onde o Ciclo passará e faça sua inscrição:

Ciclo Sienge de Palestras

TEMA - SPED FISCAL PARA A CONSTRUÇÃO CIVIL
Vagas limitadas
Ciclo Sienge - SPED Fiscal
Ciclo Sienge - SPED Fiscal
Ciclo Sienge - SPED Fiscal
E para conhecer mais de nossos ciclos online e presenciais, acesse nossa página exclusiva para os eventos: http://www.sienge.com.br/ciclo-sienge/ .
Para entender um pouco mais de nossas funcionalidades e diferenciais, acesse: http://www.sienge.com.br/solucoes/.
Ciclo Sienge
Sienge – Resumo do que aconteceu até agora nos ciclos
Postado dia 7 de junho de 2013 | Nenhum Comentário
Categorias: Ciclo Sienge, Ensino, Fiscal, Gestão, Indústria da Construção, Sienge, Software

Presente em diversas cidades do Brasil, o Ciclo Sienge dissemina conteúdo de qualidade para o mercado da construção civil.

A realização dos Ciclos Sienge é a chance que temos de nos aproximar de nossos clientes, assim conseguimos falar de forma mais enfática sobre algumas necessidades que normalmente, pela distância, não temos condição de conhecer.

Ciclo Sienge

Ciclo Sienge Maringá – PR, dia 9 de abril

Nessas conversas descobrimos, por exemplo, que o SPED Fiscal para a indústria da construção – o assunto que foi tratado nesse primeiro semestre dos Ciclos – foi muito importante porque conseguimos levar conhecimento específico sobre um tema que é uma necessidade real para o mercado, mas que ainda não tem muitas fontes de informações, exatamente pelo fato de ser um tema novo.

Os Ciclos também são ótimas oportunidades para nos aproximarmos dos sindicatos das regiões onde foram realizados. Com essa relação conseguimos entender um pouco mais sobre as necessidades e particularidades de cada local, assim podemos ser mais efetivos ao trabalhar com nossos clientes.

Depois desses 6 meses de trabalho, encerramos de forma muito positiva o primeiro semestre do Ciclo Sienge de Palestras. Mas nossa programação já está pronta para o próximo semestre, visitaremos 6 estados e logo colocaremos mais informações sobre as cidades, os temas e as datas.

Se você participou do Ciclo Sienge e quer deixar sua opinião para melhorarmos e atendermos cada vez mais suas necessidades, acesse o link: http://www.surveygizmo.com/s3/1232658/Pesquisa-de-Satisfa-o-Ciclo-Sienge-2013.

Páginas:12
banner da planilha de orçamento de obra
Saiba como o Sienge pode ajudar a sua empresa