Posts Tagged / Energia Solar

Levando conhecimento para a Indústria da Construção




Energia Solar na Construção Civil
Energia Solar – A evolução na Construção Civil
Postado dia 13 de maio de 2015 | Nenhum Comentário
Categorias: Indústria da Construção, Sustentabilidade, Tendências

A Energia Solar na Construção Civil vem evoluindo cada vez mais e é o momento de prestar mais atenção neste recurso, neste post falaremos sobre isso.

A possibilidade de crise e o risco do apagão se constituem em temores reais, mas, como vimos nas publicações anteriores (clique aqui e aqui), a energia solar é uma alternativa viável e sustentável para continuar garantindo resultados.

Se a decisão de adotar este tipo de estratégia e investir em uma solução de energia solar já foram tomadas, é hora de entender como conduzir a implementação dos recursos necessários. É preciso ter em mente que a redução de custos de produção na construção civil pode beneficiar diretamente os clientes finais. Para isso, nada de mágica. Reduzir o preço de um produto tem a ver com controlar rigorosamente todas as etapas de sua produção, e controle é um mecanismo chave na administração de empresas.

banner sobre o quiz desperdicio

Assim, controlar a gestão de novos custos, a negociação que envolve novas aquisições e o cronograma de execução do projeto é um desafio que se impõe ao mercado. No momento de aderir ao uso de uma nova matriz energética, como a solar, é importante entender que o apoio de recursos automatizados favorece o controle do todo e minimiza riscos. Recorrer a uma solução de tecnologia voltada para a construção civil é sem dúvida um atalho para o objetivo de minimizar riscos e custos.

Adotar geração própria de energia solar é uma decisão acertada e que garante eficiência à produção e redução de custos em médio e longo prazo. É também um legado de sustentabilidade e um recado de amadurecimento e força ao mercado.

banner sobre o quiz insumos da construção civil

Como a Energia Solar pode Ajudar Construtoras
Energia Solar – Como ele pode te ajudar na crise econômica
Postado dia 6 de maio de 2015 | Nenhum Comentário
Categorias: Indústria da Construção, Sustentabilidade

A Energia Solar é certamente uma das alternativas mais sustentáveis para gerar eletricidade.

As formas processadas de energia, colocadas à disposição dos consumidores onde e quando necessárias, podem ser eletricidade, gasolina, álcool, óleo diesel, gás natural, etc. O processamento é a forma de produção desta energia – na verdade, de conversão, posto que a energia é abundante na natureza, mas precisa ser transformada para ser utilizada. No Brasil, a matriz hidráulica (a força de quedas d’água artificiais das hidrelétricas) gera 75% de nossa eletricidade. Uma alternativa viável, cujo uso precisa ser mais explorado em nosso país, é energia processada por meio de grandes paineis de captação da luz e calor do sol: a energia solar.

No cenário econômico atual, a construção civil precisa encontrar novas formas de garantir a eficiência energética e, assim, a sustentabilidade de seus negócios. Isso porquê a matriz hidráulica está atrelada ao clima. Assim, quando o nível das águas é reduzido durante o período de estiagem, a produção escasseia, e quanto mais escasso o produto, maior o seu preço – logo, o resultado se reflete nas contas e pode também impactar a produção.

banner sobre o quiz insumos da construção civil

De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel, que regula os serviços fornecidos pelas concessionárias de energia, em 2015 a projeção não é das melhores para a indústria nacional, e nem para os consumidores finais. As contas devem subir em média 40% em cada estado, tornando o ano especialmente difícil.  Para construtoras, é tempo de repensar diretrizes e focar no objetivo da sustentabilidade. O risco de apagão, que é real quando se trata de energia elétrica produzida pela matriz hidráulica, é praticamente inexistente quando se trata de energia solar.

A energia solar tem outras vantagens: aproveita-se um recurso abundante e reutilizável, como o calor do sol, e reduzem-se os impactos no meio ambiente. Embora a adoção deste tipo de produção exija um investimento inicial, o valor aplicado é rapidamente recuperado por meio da economia nas contas de eletricidade, água e gás. Para saber como a energia solar pode ser útil no canteiro de obras, entre em contato conosco e continue acompanhando nossas publicações.

banner sobre o quiz desperdicio

Energia Solar na Construção Civil: Custos e Benefícios
Construção Civil: veja como economizar usando energia solar
Postado dia 5 de maio de 2015 | Nenhum Comentário
Categorias: Indústria da Construção, Sustentabilidade

A construção civil já acordou e percebeu a importância (e a lucratividade) da energia solar.

Marcos também já sabe que é melhor fugir do risco e investir em energia solar (clique aqui e confira nosso post anterior sobre o assunto), e agora quer saber quanto custará para a empresa recorrer a esta alternativa.

Pois bem. A microgeração ou geração própria é a produção de energia por parte de consumidores comuns – sejam eles residenciais, comerciais e industriais. Para isso, são utilizadas pequenas turbinas eólicas e painéis fotovoltaicos. A resolução da Aneel que regulamenta a prática define que a microgeração abrange a produção energética que vai até 100 Kilowatts e a minigeração compreende o patamar de 100 KW a 1.000 KW.

Além da redução das contas mensais, são grandes os benefícios da geração própria: no caso de falha na rede elétrica, por exemplo, quem produz continua com eletricidade disponível. Além disso, a perda de energia durante esse processo é mínima, oposto do que ocorre na produção de larga escala.

banner sobre o quiz desperdicio

O custo do investimento depende, é claro, do tamanho da área que passará a usar este tipo de energia, mas, nos últimos anos, o custo ficou 50% menor. E em menos de 50 meses é possível recuperar todo o valor destinado à implantação dos equipamentos, medindo a economia tornada real.  

Outros números

A Alemanha detém 31% da fatia global de energia solar. De todo o volume produzido na Europa, 44% – ou 32,411 GW da capacidade instalada no continente, é de responsabilidade da Alemanha. Isso ajudou a conferir solidez às empresas alemãs que aderiram a esta tecnologia, apesar da crise econômica que se abate sobre o continente desde 2009. O crescimento deste tipo de investimento começou há mais de uma década, antes do período sombrio, portanto. Um decisão inteligente, que por aqui também não pode mais esperar: é hora, mais do que nunca, da Construção Civil investir em energia solar.

banner sobre o quiz insumos da construção civil

banner da planilha de orçamento de obra
Saiba como o Sienge pode ajudar a sua empresa